terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Motivos.......

Por Gilmar Ferreira:

Atlético-PR 2 x 0 Botafogo

Não dá para se dizer surpreso com a derrota do Botafogo na Arena da Baixada.

No duelo que apontaria qual dos dois agonizaria até a última rodada, o azarão era o alvinegro carioca.

Não porque seu time seja mais fraco no confronto direto _ tenho lá minhas dúvidas.

Mas pelo conjunto da obra, que envolve muito mais do que o visto a olhos nus.

O Botafogo da era pós-Bebeto voltou a ser, politicamente, uma instituição dividida e sem luz própria.

Os cem ou duzentos torcedores que ficaram barrados à porta da Arena da Baixada que o digam.

Mais falta de respeito, impossível _ tanto dos dirigentes locais, quantos dos alvinegros, passando pelos representantes das entidades envolvidas na organização do Campeonato Brasileiro.

Na hora do vamos ver, quando chega o momento de se decidir esportivamente quem é de Série A ou de Série B, perde-se a compostura e o bom senso (resumidos no termo fair-play) e que se dane a moral!

Às favas com o respeito ao direito do consumidor, que se lixem os que pagaram o ingresso e meteram o pé na estrada, abandonando seus lares para demonstrar apreço e fé às cores do seu coração.

E o que tem isso a ver com a derrota para o time de Antônio Lopes e a consequente obrigação de ter que vencer o Palmeiras no próximo domingo, no Engenhão, para escapar da degola sem depender dos outros?

Simples.

O caso ilustra a fraqueza política de um clube a toda hora violentado em seus interesses, sejam eles almejados dentro ou fora de campo _ protagonizados por árbitros, cartolas e autoridades de maneira geral.

E essa fraqueza invade seu departamento de futebol, porta de entrada de suas glórias, minando as energias de seus jogadores, a força de sua torcida e o brilho da instituição.

Não adianta discutir agora, às vésperas do último jogo oficial do ano, se o time do Botafogo é bom ou ruim, se o técnico Estevam Soares era a melhor opção ou se o meia Lucio Flávio deve permanecer no clube.


Como diria Nélson Rodrigues, referindo-se a seu amado Fluminense, alvinegros vivos e mortos devem se unir nesta batalha final, fazendo renascer a chama capaz de manter aceso o brilho de sua estrela.

Apelar para o sentimento, talvez seja, neste momento, o pouco que resta aos botafoguenses.


=================================

Do blog do Juca
CORINTHIANISMO

Por LEONOR MACEDO*

Se você gosta de futebol e já sabia que a rodada de domingo, 29/11, estava arranjada para favorecer o Flamengo antes mesmo de ela acontecer, aconselho que desista do esporte.

Que tente canalizar sua energia para algo mais legítimo, mais honesto, mais respeitoso, mais digno.

Porque futebol é isso: é o ópio do povo, é irracional e se pararmos para pensar, a gente pára de gostar.

É amor, é paixão, é utopia, é ingenuidade. É burrice.

Fui para Campinas, com toda a minha burrice e ingenuidade, confiando no discurso da diretoria do Corinthians e dos jogadores de que seria o "jogo do ano".

Ronaldo prometeu uma chuva de gols, outros jogadores afirmaram que dariam o sangue, o técnico se irritou ao ser questionado sobre um possível favorecimento ao Flamengo para eliminar as chances do São Paulo ser campeão: "o Corinthians estará empenhado para ganhar. Se o São Paulo não fez a sua parte, não é um problema nosso."

Acreditei e fui confiante!

Comprei meu ingresso mesmo sabendo que a renda do futebol seria destinada ao carnaval do centenário, em 2010.

Mesmo sabendo que o correto é utilizar a arrecadação do futebol com o futebol. Fui porque meu amor pelo futebol é muito maior do que meu ódio pelo carnaval.

Cheguei a Campinas cedo, ganhei uma carona de carro e almocei em um shopping relativamente próximo ao estádio.

Vi dezenas de corinthianos exibindo suas camisas orgulhosos, confiantes na equipe, assim como eu.

Porque me recuso a acreditar que algum corinthiano realmente estivesse interessado em uma derrota para o Flamengo apenas para prejudicar o São Paulo.

A rivalidade não pode ser maior do que a vontade de ver seu time ganhar qualquer coisa, até campeonato de Master.

Cresci aprendendo que existem apenas dois tipos de torcida no Brasil: a corinthiana e a anticorinthiana.

A nossa, até então, era a corinthiana.

Quando entrei no estádio (com uma entrada relativamente organizada nas catracas do Fiel Torcedor, diga-se de passagem), acomodei-me em um degrau semi-alagado e vi o Brinco de Ouro da Princesa lotar de corinthianos e flamenguistas, que também compareceram.

Foi quando Evandro Roman apitou e a vergonha começou.

Não falo apenas de erros grotescos de arbitragem porque, se eu sou ingênua a ponto de acreditar na hombridade de um elenco todo, sempre acreditei em juiz ladrão.

Falo de corpo mole, de recuar a bola para o goleiro em um ataque, de 90% de passes errados, de contusões inexplicáveis, da expulsão do nosso capitão, do nosso técnico.

De 10 jogadores caminharem dentro de campo (o único que tentou foi Defederico, que não fala português e que talvez não tenha entendido a recomendação de entregar uma partida), de um goleiro não tentar pegar a bola em forma de "protesto" contra a arbitragem (e o melhor protesto que ele podia ter feito ali era agarrar o pênalti e honrar os milhares de corinthianos que estavam na arquibancada).

De o nosso elenco fazer o que fez estampando o rosto de centenas de corinthianos na nossa camisa (a obrigação de ganhar a partida podia ser só por esse motivo).

De ouvir um meia do Corinthians que está de férias desde o fim do Campeonato Paulista justificar seus erros na arbitragem (concordo, Elias, que o juiz errou, é péssimo e tem que ser punido, mas quando foi que o Corinthians dependeu de juiz?).

De ver o nosso técnico ser expulso quando ele é o primeiro que tem que manter a cabeça fria para dar tranqüilidade ao elenco, honrando o salário milionário que ele recebe. E depois reclamar da arbitragem também, sendo que o próprio, no meio do campeonato, afirmou que a prioridade nunca foi o Campeonato Brasileiro, mas o time em 2010.

A prioridade, senhor Mano Menezes, é respeitar o torcedor do Corinthians e tentar vencer tudo o que se propuser a ganhar.

Eu não tenho seis meses de férias, nem ganho um centésimo do que o senhor ganha e trabalho com seriedade.

Saí do estádio sem conseguir falar uma palavra.

Atônita e surpresa sim, porque eu acreditava que o elenco do Corinthians pudesse, pelo menos, honrar aqueles que acreditavam.

Porque sempre acreditei que eu, como torcedora, pudesse ter alguma importância (mesmo que financeira) para o clube.

Voltei para São Paulo pensando que por muito menos a torcida expulsou do clube um dos maiores jogadores da história do futebol, o Rivelino.

Que, mesmo naquele contexto importantíssimo que é um Corinthians X Palmeiras, ele pode ter errado, mas jamais entregado uma partida a nosso rival.

Que a gente pode ter perdido um clássico, um título, mas que não perdemos a dignidade tanto quanto neste domingo, em Campinas.

Nem quando fomos rebaixados para a Série B.

Sei que a falta de dignidade não é única e exclusiva da diretoria do Corinthians.

No próximo fim-de-semana, por exemplo, é a última rodada do campeonato e o Grêmio anunciou que pode escalar o time reserva contra o Flamengo apenas para prejudicar o Inter.

Que o mesmo Inter entregou uma partida para prejudicar o Corinthians contra o Goiás, em 2007.

Que muitas pessoas consideram isso absolutamente normal no futebol e depois reclamam de ética em seu trabalho, nas relações pessoais, enfim, em sua vida.

O futebol é espelho de tudo isto.

Se a falta de dignidade não é única e exclusiva da diretoria do Corinthians e do elenco corinthiano, é com ela sim que eu me preocupo, porque eles, infelizmente, carregam o escudo que eu defendo.

Se todos os anos para mim terminam com o fim da temporada de futebol, 2009 foi o ano que terminou mais cedo.

Curarei minha ressaca futebolística longe de Corinthians X Atlético Mineiro.

Sei que a minha fé no futebol retornará assim que a ressaca passar.

Que eu encerrarei o papo de "não bebo mais" e continuarei enchendo a cara dessa cachaça.

Que seguirei acreditando que outro futebol é possível: com dignidade, honestidade e hombridade.

Com jogador que defende o escudo do clube acima de qualquer dinheiro, com dirigente que recusa mala branca e leva em consideração sua torcida, com elenco que não entrega a partida, com torcedor apaixonado que prefere ver o time ganhar a ver o rival se dar mal.

Morrerei velhinha acreditando.

E precisarei de dois caixões: um para mim e outro para a minha santa ignorância.

*Leonor Macedo é corintiana e jornalista

====================================

Nada mais posso acrescentar. Aguardarei 2010, independentemente de resultados.

SAN!!!!!!!

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Totalmente sem tempo!

Aí está ela! Falta pouco!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Como o título da postagem diz, estou totalmente sem tempo parar nada, alguns problemas pessoais, e muito compromisso profissional está me detonando. Prometo assim que puder, voltar com carga total.

Não me abandonem, rsss

SAN!!!!!!!!!

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Botafogo X Cerro Porteño 04/11/2009.

Falar o Quê?

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Mais uma vergonha esta desclassificação, pode até ser chamada de acidente de percurso, no entanto a incompetência de nossos atletas responsáveis pelas finalizações, ficou explícita, e demonstrou o porque estamos na situação atual na tabela do Brasileirão.

O time até se portou bem até tomar o primeiro gol, sentimos o baque, começamos a nos recuperar, empatamos o jogo, e tínhamos boas chances de tentar pelo menos os penaltis. Neste ponto entra a total falta de raciocínio do Alessandro, pra que uma cabeça tão grande? Deve ser para guardar espaço vazio. Só pode!

Bom, águas passadas. O assunto atual é a mudança de nome do Grande Engenho para algo do tipo "Stadium Rio", com o nome de alguma empresa que patrocine ligado. Até aí tudo bem, só não pode é desvincular o nome Botafogo do estádio, e pelas matérias que li, me parece que a idéia é essa, um tal de Calainho está soltando aos quatro ventos que assim será feito, para que o Grande Engenho se torne viável, e pasmem, sem nenhuma reação dos Senhores que se dizem "Responsáveis" pela administração do BFR. Prefiro aguardar mais um pouco para expor as ferramentas, de qualquer forma, vou deixar abaixo alguns links sobre o assunto, e gostaria que voces me ajudassem a destrinchar o que querem dizer.

http://extra.globo.com/esporte/jogoExtra/

http://extra.globo.com/esporte/video/2009/15307/

http://www.fogaonet.com/noticia.asp?n=5744&t=empresa+apresenta+projeto+e+engenhao+mudara+de+nome


SAN!!!!!

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Internacional 0 X 1 Botafogo - 01/11/2009

Com toda a ajuda possível......Conseguimos dar mais um passo!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Foi literalmente uma guerra, jogamos com o que podíamos, achamos nosso gol e depois seguramos do jeito que deu, e guerra que é guerra mesmo, tem sempre seus heróis, nesta batalha de ontem os meus eleitos serão três: Jefferson(a muralha), Léo Silva(o onipresente) e Juninho(o homem bomba).

Juninho - Dou destaque principalmente pelo gol, mas também cumpriu de forma satisfatória seu papel de zagueiro, deu chutão quando era necessário e soube sair jogando para tranquilizar.

Léo Silva - Que partidaça, Correu como nunca(em uma temperatura de pelo menos 40º), marcou, desarmou muito, apareceu em todos os setores do campo, não foi expulso, e principalmente, não fez penalti. De ruim, alguns erros de passe.

Jefferson - Apenas um comentário: "- Ah, se ele tivesse chegado a mais tempo! Não estaríamos neste sufoco."

Outros jogadores também se apresentaram bem, no entanto, prefiro deixar por aqui um alerta para o nosso principal "torcedor", o André Lima.

Por favor, lembre-se que antes de ser torcedor você é um profissional do futebol(e muito bem remunerado), tente ser este profissional, a forma pela qual ocorreu a sua expulsão ontem não foi digna nem de uma pelada entre amigos, você demonstrou muito coração para pouca razão, por estas e por outras mais(penalti contra o CAP, por exemplo), espero que o Reinaldo faça uma excelente partida contra o Coritiba, e que você receba um bom tempo de banco, de onde sem dúvida poderá torcer sem prejudicar a equipe.

Infelizmente, eu profetizei que uma vitória poderia significar a saída definitiva da zona lamacenta, a profecia só não se realizou devido aos resultados do Santo André e Náutico, que vencendo suas partidas mantiveram a diferença de apenas 3 pontos, em compensação ficamos a apenas 4 pontos do Santos, 3 do Coritiba(nosso próximo embate) e 2 do CAP, nossa próxima meta é ganhar estas 3 posições, sendo que na próxima rodada, apenas uma será possível, pois mesmo ganhando do Coritiba, igualaremos em pontos mas teremos menos vitórias no critério de desempate, o mesmo ocorrerá no caso de empate entre CAP e Goiás, em caso de derrota do CAP uma posição será conquistada, colocando alguém entre nós e o famigerado Z4.

FICHA TÉCNICA
Botafogo 1x0 Internacional
» Gol: Juninho 2’
» Competição: campeonato brasileiro
» Data: 01/11/2009
» Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
» Arbitragem: Elmo Resende Cunha (GO); Cristhian Sorence (GO) e João Patrício de Araújo (GO)
» Cartões amarelos: Welington, André Lima, Fahel, Thiaguinho, Léo Silva (Botafogo); D'Alessandro, Alexsandro (Internacional)
» Cartão vermelho: André Lima (Botafogo)
» Botafogo: Jéfferson; Thiaguinho, Juninho, Wellington e Diego; Leandro Guerreiro (Émerson), Fahel, Léo Silva e Lúcio Flávio (Rodrigo Dantas); Jobson (Victor Simões) e André Lima. Técnico: Estevam Soares.
» Internacional: Lauro; Índio (Taison), Bolívar e Fabiano Eller; Daniel (Andrezinho), Sandro, Guiñazu, D'Alessandro (Bolaños) e Kleber; Alan Kardec e Alecsandro. Técnico: Mário Sérgio.

Como venho falando, será uma guerra a cada rodada, e temos que continuar na labuta, sem esmorecer jamais. Agora, um tempinho no brasileiro e voltar nossos canhões para o Cerro, conquistar esta classificação será importantíssimo, até para a moral da equipe.

E não vamos esquecer de passar na casa dos Simpsons para tirar o Homer do sofá, vamos lotar o Grande Engenho nesta quarta feira e empurrar o Fogão para a semifinal da Sul Americana.

Vamos que vamos, Fogooooooooo!!!!!!!!!

SAN!!!!!

domingo, 1 de novembro de 2009

Internacional X Botafogo - 01/11/2009

Complicada nossa vida!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Como diz a legenda da já tradicional FIGA, teremos uma tarde complicada hoje, no entanto é nessas horas que o Glorioso costuma surpreender, estou me lembrando e muito do jogo contra o Goiás(estréia da figa)quando 99% das apostas eram contrárias a nossa vitória, naquele dia eu disse mais ou menos o seguinte: "- Que as bolas que costumam não entrar, entrem. Que as que normalmente devassam nossas traves, destinem-se para fora, ou no máximo nas mãos de nosso arqueiro. E que, principalmente, nosso atletas tenham espírito vencedor."

Oração efetuada, acredito fielmente que uma vitória hoje decrete a nossa permanência na série A, não querendo dizer com isso que uma derrota nos rebaixe, até um empate nos manteria fora da famigerada zona, mas que uma vitória será importantíssima não tenham dúvidas.

Teremos desfalques, dois deles reservas(Jônatas e Renato), e dois titulares(Alessandro e Reinaldo) e por incrível que pareça o que deve fazer mais falta é o Alessandro, é, não estou louco e nem bebi(ainda), mas é que sua luta contamina alguns companheiros, apesar da total falta de intimidade com o futebol. Quanto ao Reinaldo, nunca sei qual jogará, portanto, não posso afirmar se fará falta ou não.

O desfalque dos colorados, acredito ser mais importante, basta ver que quando o Giuliano estava com a seleção sub-20, o time deles caiu de produção e com o seu retorno parece ter reencontrado o equilíbrio, ou seja, o desfalque deles deve interferir muito mais do que todos nossos.

Vamos ao jogo com fé, e que São Carlito Rocha, a figa, Nossa Srª. da Conceição(idéia do meu amigo Rafael B.)e todos que puderem nos ajudem, mais do que isso não poderemos fazer.

FICHA TÉCNICA:
INTERNACIONAL X BOTAFOGO

Estádio: Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Data/hora: 01/11/2009 - 16h (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Auxiliares: Cristhian Passos Sorence (GO) e João Patrício de Araújo (GO)

INTERNACIONAL: Lauro, Daniel, Indio, Bolívar e Fabiano Eller; Sandro, Guiñazú, Kleber e D’Alessandro; Alecsandro e Taison (Marquinhos). Técnico: Mário Sérgio.

BOTAFOGO: Jefferson, Thiaguinho (Wellington Júnior), Juninho, Wellington e Diego; Leandro Guerreiro, Léo Silva, Lucio Flavio e Jobson; Victor Simões e André Lima. Técnico: Estevam Soares.


SAN!!!!!!!!!

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Foi Penalti claro e ponto final!

A imagem não deixa nenhuma dúvida!

Meus Amigos e Irmãos de escudo,

Começo me desculpando pela ausência, que foi gerada por um problema técnico em minha máquina, mas que já está totalmente resolvido.
Voltar com polêmica é sempre bom, e esta do penalti sobre o Diego está saborosa. Não pude assistir ao jogo contra o Timbú, no entanto ao assistir os melhores momentos tive certeza absoluta do penalti, principalmente pelo ângulo que os especialistas insistiram em dizer que não foi. Eu tive certeza de que o zagueiro tocou o Diego e depois tirou o pé para dizer que nada tinha feito, comecei a procurar a imagem e achei lá no "Botafogo do Biriba", e a colei acima. Depois dessa imagem, alguém ainda tem alguma dúvida?

Bom, esclarecida a questão do penalti "dito duvidoso" pelos "especialistas", devo esclarecer que também estou enfrentando um outro problema que é a falta de tempo, alguns compromissos profissionais estão consumindo quase todo, mas prometo atualizar o Blog sempre que possível.

Obrigado pela paciência,

SAN!!!!!!

domingo, 25 de outubro de 2009

Botafogo X Flamengo 24/10/2009

Ela não podia deixar de estar aqui!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Estou com um problema em meu PC que deve ser resolvido esta semana, mas tive que passar em uma Lan House para postar a figa.

Boa sorte a todos nós hoje.

Fiquem com Deus, e até a volta.

SAN!!!!!

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Clodovil ataca de novo.

Só rindo desse cara!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Vou publicar a matéria abaixo, no intuito de que ela chegue ao Estevam Soares, e que ele use como fator motivador para o jogo de Domingo próximo.

Marcio Braga esbanja otimismo e repete velho lema 'deixou chegar...'

Presidente do Flamengo diz que vai ganhar do Botafogo, provoca o Galo e ainda põe mais um ano na idade de Petkovic

Pedro Ivo Rio de Janeiro

O presidente do Flamengo, Marcio Braga, mostrou empolgação com o time rubro-negro na manhã desta terça-feira. O dirigente repetiu o velho lema “deixou chegar...”, que caracterizou o time nos anos 80 pelas arrancadas nas retas finais das competições, e que voltou à tona após a vitória por 2 a 0 sobre o líder Palmeiras, domingo, no Palestra Itália.

Perguntado sobre o clássico deste domingo, com o Botafogo, no Engenhão, o Braga mostrou muito otimismo e ainda provocou um outro velho rival.

- O Flamengo vai ganhar do Botafogo domingo, e estamos acostumados a ganhar do Atlético-MG no Mineirão. Deixaram chegar, agora complicou para os adversários – disse o presidente rubro-negro, durante evento que marcou a assinatura de um acordo de cooperação para a Copa do Mundo no Brasil em 2014. O Galo será adversário do Fla no dia 8 de novembro, pela 34ª rodada do Brasileirão.

A declaração remete ao ano passado, quando o Flamengo estava na liderança do Brasileirão 2008. Marcio Braga chegou a dizer que a festa pelo hexacampeonato já estava marcada. Mas o time rubro-negro perdeu rendimento na competição e terminou em quinto lugar, fora até da Taça Libertadores.

Outra declaração polêmica de Marcio Braga ocorreu em 2005, quando, antes de um duelo contra o Corinthians, disse que não sabia quem era Tevez. Em 25 de setembro daquele ano, o argentino fez dois gols na vitória do Timão sobre o Fla por 3 a 1, no Rio de Janeiro.

Perguntado sobre se o time atual lembra o de 1992, quando o Fla conquistou seu último Campeonato Brasileiro, Marcio Braga preferiu evitou comparações. Naquele ano, oito times se classificavam para as quartas de final, e o Rubro-Negro conquistou a oitava vaga na última rodada da primeira fase.

- Cada time é um time. O de 92 é inesquecível por ser o último Brasileiro que conquistamos. Nos classificamos em oitavo e fomos para o mata-mata vencendo um a um. Na final, o Brasil inteiro torcia pelo Botafogo. Mas no primeiro tempo do primeiro jogo já estavamos com o campeonato decidido. Deixou chegar, complicou – disse ele.

O dirigente ainda elogiou a boa fase do veterano atacante Petkovic, embora tenha ‘aumentado’ a idade do camisa 43 em um ano.

- Um jovem senhor de 38 anos vai ser escolhido o craque do Campeonato Brasileiro - disse ele, se esquecendo de que Pet completou 37 anos no último dia 10 de setembro.


Estou encaminhando através de todos os contatos que possuo dentro do BFR e espero que todos os abnegados alvinegros façam o mesmo. Está na hora desta palhaçada acabar.


SAN!!!!!!

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Cruzeiro 1 X 0 Botafogo 18/10/2009.

Dessa vez não deu.

Meus Amigos e Irmão de Escudo,

Este jogo foi complicado, no entanto, apesar do resultado, eu consegui gostar da postura de uma forma geral. Tivemos alguns atletas que não renderam, casos de Lúcio Flávio, André Lima, Victor Simões, para citar alguns, e mesmo assim criamos várias oportunidades. Um dos fatores mais importantes para isso, é a tranquilidade que o Jefferson passa para a equipe, não está existindo aquele pavor quando a bola passa pelos zagueiros em direção ao gol. A equipe vem demonstrando padrão de jogo interessante, mas temos que resolver com urgência a questão da armação, Lúcio Flávio simplesmente não dá! Lembrando da partida contra o Atlético MG, recordei que foi a única partida em que o Reinaldo fez esta função de forma satisfatória, e com este apoio o Lúcio Flávio funcionou, foi a melhor partida de nosso meio campo sem dúvida alguma. Procuro uma solução para este problema e só consigo pensar em Rodrigo Dantas no lugar do Lúcio, ou no máximo ao seu lado, mas isso é coisa para o Estevam quebrar a cabeça.
Tivemos uma rodada morta, com excessão da vitória do Sport, que mesmo vencendo não andou, não houve movimentação no nosso "campeonato" particular, o ruim mesmo, foi que desperdiçamos a oportunidade de ultrapassar o Coritiba.
Bom, com relação a esta última rodada, vou parar por aqui, pois apesar de termos o confronto com o Cerro na quarta-feira, minha concentração já está no embate de domingo que vem.
Ah! Antes que me esqueça, a Figa continuará no Blog nos dias de jogo, afinal em quatro disputas obtivemos 7(sete)pontos, se mantivermos esta média, escapamos sem sustos.

FICHA TÉCNICA
Botafogo 0x1 Cruzeiro
Gol: Thiago Ribeiro 62'
Competição: campeonato brasileiro
Data: 18/10/2009
Local: Estádio do Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Arbitragem: Leonardo Gaciba da Silva (RS); Marcelo Bertanha Barison (RS) e José Javel Silveira (RS)
Cartões amarelos: Jobson, Batista (Botafogo); Marquinhos Paraná, Guerrón, Fernandinho (Cruzeiro)
Botafogo: Jefferson, Alessandro, Teco, Emerson e Diego (Rodrigo Dantas); Leandro Guerreiro, Fahel (Batista) e Lúcio Flávio; Jobson, André Lima e Victor Simões (Reinaldo). Técnico: Estevam Soares.
Cruzeiro: Fábio, Gil, Thiago Heleno e Caçapa; Jonathan, Henrique (Fabinho), Marquinhos Paraná, Leandro Lima (Fernandinho) e Diego Renan; Guerrón (Soares) e Thiago Ribeiro. Técnico: Adílson Batista.

Notícia triste: Faleceu neste fim de semana, vítima de um acidente automobilístico na Barra da Tijuca, o jovem botafoguense Bruno Couto, irmão da nossa querida amiga Carol Couto. Que Deus receba de braços abertos mais esta estrela que sobe, e ampare os familiares que terão que conviver com a perda.

SAN!!!!!

sábado, 17 de outubro de 2009

Cruzeiro X Botafogo. 18/10/2009.

Mais uma das decisões que teremos que superar!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Mais um desafio se aproxima, e como não custa nada lembrar, nosso desempenho fora de casa, se não é satisfatório a nível de resultado, é bem aceito quando o assunto é desempenho. Temos jogado bem e nosso primeiro triunfo veio no jogo contra o Goiás. Amanhã contra o Cruzeiro, é repetir as últimas atuações e se a sorte nos auxiliar, arrancar mais uma vitória.

Não teremos mais jogos simples, todos serão complicados, e por isso teremos que jogar sempre com a máxima atenção e dedicação possíveis. Sei que o Estevam sabe disso e passa para os jogadores, é evitar falhas individuais como as que ocorreram contra o Avaí, e matar o jogo quando tivermos oportunidade, e podem ter certeza de que estas oportunidades irão surgir.

O Cruzeiro vem com diversos desfalques(Leonardo Silva, Kleber, Gilberto e W.Paulista), temos que nos aproveitar disso também.

Infelizmente, ainda temos que "secar" nosso adversários diretos, e isso é sempre ruim, pois significa que ainda estamos próximos demais do maldito Z4, mas, vamos passo a passo nos afastar, e quem sabe daqui a algumas rodadas não poderemos pensar apenas em nossos resultados.

Fé em Deus, e vamos nessa!

Vou repetir abaixo, trecho de minha postagem do dia 03/10 antes do jogo contra o Goiás, todo tipo de crença é válida nestas horas.

Quando o momento de mais uma decisão se aproxima, peço a todos que emanem energias positivas para o nosso elenco, pois se dependermos apenas do futebol que vem sendo demonstrado, estamos fritos......
Vamos torcer muito para que amanhã tudo dê certo, que nossos atletas(¿) saiam do lugar comum e rendam acima do máximo, 110% mesmo. Que lá no ataque, as bolas que não costumam entrar, entrem, e em nossa defesa, as que entram sempre, encontrem a trave, a linha de fundo ou no máximo as mãos de nosso arqueiro.
Vamos torcer ainda, para que a partir de agora, nosso atletas(¿) tenham a inspiração e colaboração de nossos inúmeros CRAQUES DAS ANTIGAS, e até mesmo a garra e a vontade de outros menos dotados de futebol, mas que sempre colocavam a responsabilidade e profissionalismo acima de tudo.
Daqui para a frente, terá que ser assim, acreditando, torcendo, sofrendo e porque não rezando, para que no final dessas 12 rodadas que faltam, possamos vibrar com o nosso objetivo.
Peço isso porque não há mais possibilidade de contratações, e o elenco até o final do ano será este que aí está, portanto, o nosso elenco.
Ah! E antes que me esqueça, vamos "secar" também, Atlético PR, Coritiba, Náutico, Santo André, Sport e Fluminense, nunca será demais.
Acho que mais que isso não podemos fazer.

FÉ!

SAN!!!!!!!!!

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Botafogo X Avaí.(Resultado)

A Figa está mantida!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Desta vez a vitória não veio, mas se o resultado não foi bom, até em função de nossa posição na tabela geral, o futebol apresentado nos demonstra que o alívio final não está muito longe. Devido ao tumulto generalizado que se tornou um dia que era para ser de total festejo, me vejo impossibilitado de analisar com mais detalhes o jogo em si, pois, lá no Grande Engenho, não consegui assistir a partida como deveria, e ainda não pude ver o VT, apenas os melhores momentos do embate, e através destes constatei que não fizemos uma partida ruim, afinal, contei pelo menos 15 chances a nosso favor, enquanto o adversário só 2, o preocupante nesta constatação é que nas duas vezes em que chegaram, marcaram.
A nossa TORCIDA deu uma demonstração de força, e que este grupo que hoje diz administrar o nosso Amado e Glorioso Clube, reveja seus conceitos e a respeitem, pois o que ocorreu ontem, foi VERGONHOSO. Não vou me estender neste assunto pois pretendo manter minha promessa de só voltar a falar em assuntos internos, após a saída definitiva da situação em que o TIME se encontra, mas não posso deixar de registrar que quando consegui acesso ao campo de jogo, já perdíamos por 2x0, ou seja, no fim do 1º tempo. Tentei beber qualquer coisa lá dentro, não encontrei, já tinha terminado tudo, passei sede, assistir ao 2º tempo pelo menos, também não consegui, pelo menos não dignamente como deveria assistir um CLIENTE(é isto que o torcedor é), fiquei em pé, em um dos acessos da Oeste superior, com várias pessoas na minha frente, pelo menos consegui comemorar os dois gols do Victor Simões(!¿), digo pelo menos, porque, sei de torcedores que mesmo com o ingresso na mão, não conseguiram entrar, e para completar, se quiserem reaver o valor pago, ainda terão que se deslocar até General Severiano. Resumindo, este grupo que lá está, dizendo que administra, conseguiu mais uma vez, manchar uma parte de nossa belíssima História, indo no caminho inverso da nossa TORCIDA(que não pode ser tratada como GADO), que mais uma vez demonstrou, que com um elenco minimamente bem montado e comprometido, comparece, lota, apoia e BANCA o Clube. Pena que estes Senhores estão fazendo toda a força do mundo para nos afastar dos estádios. Ontem foi dose meus Amigos. E antes que me esqueça, ainda vão querer culpar os torcedores que por algum motivo(o trânsito estava caótico) chegaram em cima da hora, é aguardar para ver.
A Belíssima torcida do Fogão, demonstra que o Grande Engenho é nosso!

FICHA TÉCNICA
Botafogo 2x2 Avaí
Gols: Victor Simões 18’(2) e 33’(2) (Botafogo); Emerson 37’(1) e William 44’(1)
Competição: campeonato brasileiro
Data: 12/10/2009
Local: Estádio Olímpico João Havelange, o ‘Engenhão’, Rio de Janeiro (RJ)
Público: 33.641 pagantes
Renda: R$ 320.470,00.
Arbitragem: André Luiz de Freitas Castro (GO); Altemir Hausmann (RS) e Cristhian Passos Sorence (GO)
Cartões amarelos: Caio e Ferdinando (Avaí); Leandro Guerreiro e Juninho (Botafogo)
Cartão vermelho: William (Avaí); Juninho (Botafogo)
Botafogo: Jefferson, Alessandro, Juninho, Wellington e Diego (Renato); Leandro Guerreiro, Léo Silva (Victor Simões), Lúcio Flávio e Reinaldo (Rodrigo Dantas); Jobson e André Lima. Técnico: Estevam Soares.
Avaí: Eduardo Martini, Augusto, Rafael e Emerson; Luís Ricardo, Ferdinando, Léo Gago, Caio (Marcus Vinícius), Assis (Fabinho Capixaba) e Uendel; William. Técnico: Silas.

SAN!!!!!!!

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Botafogo X Avaí

Olha mais uma decisão aí!


Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Mais uma decisão se aproxima, e hoje tem festa no Grande Engenho. Daqui a pouco estarei partindo para lá, e espero que muitos também estejam fazendo o mesmo, pois, apesar do pouco tempo em que existe, já sinto saudades do magnífico estádio lotado de alvinegros, acho que hoje finalmente até o "Homer" irá ao jogo.
A rodada está totalmente favorável, e só nos resta fazer nosso "dever de casa", ganhando ficaremos com uma vantagem de 5 pontos da Zona lamacenta e poderá ser nosso adeus final a este local maldito.
Bom, daqui a pouco vejo voces lá no grande Engenho, espero logo mais, poder voltar com excelentes notícias.
SAN!!!!!

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Vai ser uma Festa!!!!!!

Chegou a hora de fazermos a diferença!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Postarei abaixo como as TO's estão se organizando para o jogo da próxima segunda-feira contra o Avaí.

__________________FÚRIA JOVEM___________________

* CERCA DE 50 BANDEIRAS

* BANDEIRÃO

* AS CRIANÇAS SERÃO PINTADAS

* MAIS DE 1.500 BANDEIRINHAS DO BOTAFOGO DE PAPEL

* BOLAS PRETAS , BRANCAS E AMARELAS

* PAPEL PICADO

* PANOS BRANCOS PARA O FOGO OLÊ OLÊ

* 2 MUSICAS NOVAS



OBS: estamos vendo a liberação da pm para ( sinalizadores , pisca piscas e fumaça ) ou liberação para rolos de papel higienico somente um dos dois poderá ser usado os dois juntos é proibido pois pode provoca incendio.


OBS 2: pedimos a todos que levem bolas ( pretas , brancas e amarelas ) e papel picado.

______________LOUCOS PELO BOTAFOGO_______________



Bom gente se nao chuver e correr tudo bem no jogo de segunda vamos estrondar o engenhao com muita festa e mais 3 pontos do fogao!!!


IMPORTANTE CHEGAR CEDO!!!! estaremos em nosso bar as 11:00 lembrando que o jogo é as 16:00

- vamos fazer o primeiro mosaico da torcida do botafogo com placas de cartolina. Precisamos entrar cedo no estadio para localizar as placas formando o desenho e botar a galera lá para que saia tudo certinho. Lembrando que isso será um ensaio para o jogo contra os mulambos onde PRETENDEMOS ESTRONDAR A PORRA TODA COM UM MOSAICO MUITO MAIOR TOMANDO TUDO DE ASSALTO.

Contra o Avaí as pessoas que receberem a placa farão a coreografia do fogo ole ole ole da esquerda para a direita segunrando a placa a frente do corpocom os braços abertos.

- BOLAS DE GÁS HÉLIO vao de encontro ao ceu fazendo um lindo visual.

- PAPEL PICADO É COM VCS!!!! POR FAVOR PIQUEM PAPEL E ENTREGUEM HORAS ANTES DO JOGO NO BAR DOS LOUCOS, AJUDEM, COLABOREM, TODOS PODEM E DEVEM PARTICIPAR!!!


obs: quem quiser ajudar a comprar mais placas de cartolina é muito bem vinda a ajuda já que compramos o que dá com dinheiro pessoal!!! entao antes que falem que tinha que ser maior o mosaico, AJUDEM CUSTA 0,65 UMA CARTOLINA!!!



Abraço a todos e cheguem cedo é 22!

___________________BOTACHOPP_____________________________




Galera, segunda-feira geral juntos no feriadão curtindo a partir das 12h um churrascão no Senhor dos Anéis e depois ás 16h mais um jogo que vamos mostrar a nossa força!!!

Então todos convidados a pedido da dirtoria Venham fazer parte desta festa!

Monitores, organizem-se, vamos chegar geral juntos!

Ingressos promocionais ... Fogão fora da Zona de Rebaixamento ... Não falta mais nada, né.


Vamos divulgar meus irmãos, acho que desta vez o HOMER vai sair do sofá.

SAN!!!!!!!

Essa figa vai ficar!!!!!!!!!!!!!!!

Já volto!

Impossibilitado!

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Botafogo X Atlético MG - Mais uma decisão!

Mais um jogo decisivo, dos vários que ainda virão.

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

A figa já está devidamente em seu lugar, conforme prometido, a nossa corrente de positivismo há de continuar hoje a noite, pois cada vez mais se faz necessária. Para ilustrar a postagem, deixarei abaixo uma crônicas do Gênio Armando Nogueira, que adoro, e sempre procuro ler em momentos decisivos, pois me transmite força e esperança.

Pequeno Evangelho da Estrela Solitária

BEM-AVENTURADOS OS GUERREIROS EM PRETO E BRANCO QUE, COM UM ESCUDO NO PEITO E UMA BOLA NOS PÉS, FIZERAM DE CADA BATALHA UMA EPOPÉIA;

BEM-AVENTURADOS OS QUE TIVERAM A PACIÊNCIA DE ESPERAR, ANOS E ANOS, PELA GRAÇA DE UM GOLZINHO TRIUNFAL;

BEM-AVENTURADOS OS QUE DESCIAM, CADA DOMINGO, A RAMPA DOS CAMPOS ARRASTANDO BANDEIRAS NO CORTEJO DA DERROTA;

BEM-AVENTURADA A ESTRELA QUE NUNCA SE APAGOU NA TRAVESSIA DE TANTOS INFORTÚNIOS.

ELES BEM MERECEM, EM PLENITUDE, UM LUGAR NO REINO DOS CAMPEÕES.


ARMANDO NOGUEIRA
JUNHO 1989

Até a próxima,

SAN!!!!!!!

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Como comentar um absurdo deste.

¿¿¿¿¿¿¿¿¿¿¿¿¿¿¿

Goiás X Botafogo - Resultado Final.

Figa, Fé, Sorte e Estrela. Esta é a combinação!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

É assim que iremos até o fim do campeonato, já na quinta terá mais, e a hora é de tirar a "inhaca" do nosso "Grande Engenho", o adversário é padrão, costumamos aproveitar as oportunidades quando o embate é contra o CAM.
O jogo de ontem foi um exemplo de que podemos sair deste sufoco que ainda nos encontramos, o Goiás é um time que agride, um time que dificilmente é batido em casa, e apesar de muitos erros(não podemos esquecer)conseguimos o resultado que quase ninguém esperava. Na minha humilde opinião, a postura da equipe influenciou, mesmo com a pouca condição técnica do nosso elenco, nos posicionamos como BOTAFOGO que somos e mesmo antes da expulsão do zagueiro deles(que ajudou também)já estávamos melhor em campo, o juiz não sei porque motivo amarelou nosso time praticamente todo, mas os jogadores tiveram frieza suficiente para não termos expulsões.Como destaques tivemos, uma tarde extremamente feliz do Estevam, a exibição de gala do Jefferson(temos goleiro!), e a entrada decisiva do Jóbson, que se não é grande jogador, pelo menos sabe ser atacante, se movimenta bem pelos lados do campo, e me pareceu ser bom de conclusão e passe. Negativamente vou destacar o Reinaldo, pela total falta de mobilidade e aparentemente de vontade também, má forma física não é desculpa para falta de esforço e dedicação. Um aparte para o Victor Simões, que corre se esforça, até fez gol, mas, não pode de jeito nenhum perder o gol que perdeu, fosse um jogador de outra posição, até entenderia, mas atacante que se diz matador, não pode fazer aquilo. Ah! antes que me esqueça, a atuação do Lúcio Flávio, foi dentro de sua média, mas bater o penalti daquela maneira, também não pode, foi displicência pura. Ainda bem que estes dois lances não fizeram falta, mas há de se ter mais atenção.
Até que enfim pude passar um final de domingo do jeito que gosto, sem mau humor, principalmente, isto apesar da situação ainda ser muito delicada e preocupante, mas o Botafogo me afeta e esta é a realidade. Não podemos esquecer da campanha do "Homer"(bem que a Diretoria poderia dar uma força), teremos dois jogos muito importantes no Grande Engenho, e será o momento ideal para a nossa Galera "botar a cara". Vamos lá, o Botafogo precisa de nós, seis pontos neste momento nos afastaria deste maldito Z4.

OBS1: A Figa será mantida para o próximo pré-jogo. Como bom Botafoguense que sou, não poderia ser diferente.

OBS2: Tentarei não falar de política interna do Clube, até estarmos totalmente livres desta situação, mas não pensem que me esqueci, muita coisa tem que mudar.

SAN!!!!!!!

sábado, 3 de outubro de 2009

Goiás X Botafogo Começando a mentalização.

Façam FIGA meus Amigos!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Quando o momento de mais uma decisão se aproxima, peço a todos que emanem energias positivas para o nosso elenco, pois se dependermos apenas do futebol que vem sendo demonstrado, estamos fritos......
Vamos torcer muito para que amanhã tudo dê certo, que nossos atletas(¿) saiam do lugar comum e rendam acima do máximo, 110% mesmo. Que lá no ataque, as bolas que não costumam entrar, entrem, e em nossa defesa, as que entram sempre, encontrem a trave, a linha de fundo ou no máximo as mãos de nosso arqueiro.
Vamos torcer ainda, para que a partir de agora, nosso atletas(¿) tenham a inspiração e colaboração de nossos inúmeros CRAQUES DAS ANTIGAS, e até mesmo a garra e a vontade de outros menos dotados de futebol, mas que sempre colocavam a responsabilidade e profissionalismo acima de tudo.
Daqui para a frente, terá que ser assim, acreditando, torcendo, sofrendo e porque não rezando, para que no final dessas 12 rodadas que faltam, possamos vibrar com o nosso objetivo.
Peço isso porque não há mais possibilidade de contratações, e o elenco até o final do ano será este que aí está, portanto, o nosso elenco.
Ah! E antes que me esqueça, vamos "secar" também, Atlético PR, Coritiba, Náutico, Santo André, Sport e Fluminense, nunca será demais.
Acho que mais que isso não podemos fazer.

FÉ!

OBS1: O Zagueiro Alex Lopes não foi repassado para a Traffic, o que apareceu no BID da CBF, foi uma reforma(prorrogação) de seu contrato até 2014.

OBS2: Jônatas será reintegrado ao grupo na volta da delegação ao RJ.

SAN!!!!

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Rio de Janeiro 2016 - BFR terá lucros.


É Nossa!!!!!!!!!!!!

Só alguns exemplos do que poderá ser para o Rio e consequentemente para o Brasil esta vitória.


http://edition.cnn.com/2009/WORLD/europe/10/02/olympics.2016/index.html

http://www.lemonde.fr/

http://www.ejornais.com.br/jornal_espanha_el_pais.html

Atentem que não se fala em violência.

SAN!!!!!

Sul Americana - Quartas de final definida.

Seja o que Deus quiser.(clique na imagem para ampliar).

Poucos pontos a comentar:

  • O Cerro não é o Emelec.
  • Temos que melhorar bastante se quisermos passar de fase.
  • Há de se possuir inteligência, para usar a crise instaurada, a nosso favor.
  • Mudanças deverão ocorrer, mas temos que torcer para que influam o mínimo possível no time.
Toda e qualquer novidade que apareça, será postada durante o dia.

SAN!!!!!!!!!

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Dias de crise, crise que deveria ser usada em prol do Clube.

De uma grande bomba, pode-se tirar a lição, e sair vitorioso.

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Durante o jogo de domingo último, mas precisamente no intervalo, explodiu uma crise anunciada nas entranhas do nosso Glorioso Alvinegro. Vou tentar organizar os últimos acontecimentos, se não lograr êxito, me desculpem, pois meu raciocínio está em pane, vamos lá:

Caso Jônatas:
  • Jogo contra o Vitória rolando em seu 1º tempo, o Botafogo até se comportando bem, tendo maior volume de jogo e desperdiçando seguidas chances de abrir o placar, em um contra-ataque sofremos um gol, com este o time se abate(normal até), termina e esperamos que no intervalo se acalmem os nervos e possamos voltar para virar o placar. Mas o que ocorre é exatamente o oposto, o time volta abatido sem a menor postura de quem irá buscar a virada, pior, toma mais dois gols, e totalmente abatido ainda consegue descontar. Termina o jogo e uma pergunta me martela os pensamentos: - O que aconteceu?
  • De início, foi dito que houve uma discussão no intervalo, causada pela substituição do Jônatas, não aceita pelo mesmo, gerando uma confusão com o Gerente de futebol Márcio Touson. Surgem rumores de que Eduardo também se envolve na confusão e que teria ocorrido até agressão física entre Jônatas e o Gerente. É dito que o atleta(Jônatas) queria se encaminhar para um Delegacia para prestar queixa, sendo impedido por seu empresário, para que não se piorasse as coisas.
Invasão do Grande Engenho:
  • No fim do jogo é noticiada a tentativa de invasão do vestiário, por parte de integrantes de torcida, polícia chega e aborta a tentativa, ônibus da equipe com membros da comissão técnica sai do estádio, polícia vai embora, agora sim, ocorre invasão de integrantes da torcida, dizem que jornalistas passam sufoco dentro do estádio.
  • A segunda-feira chega, e várias notícias são publicadas sobre as ocorrências da noite anterior, algumas foram: André Silva se reuniu(ainda na noite anterior)com dois representantes de uma torcida organizada, que impuseram o afastamento de atletas; Márcio Touson teria agredido fisicamente o atleta Jônatas; Afastamento de Jônatas e Eduardo da delegação que iria ao Equador; Estevam diz que só ficará no grupo os atletas que realmente estejam comprometidos em tirar o Clube da situação calamitosa no brasileirão; Viagem do elenco para o Equador, com a presença de André Silva, Anderson Barros e Maurício Assumpção; Vice-Geral anuncia mudanças drásticas no departamento de futebol(demissão de Anderson Barros e exoneração de André Silva são especuladas), marca reunião emergencial para quinta-feira, assim que os elementos do Conselho diretor chegarem do Equador. Devem ter surgido outras, que minha memória não me permite lembrar agora.
Reunião do Conselho deliberativo:
  • Chega a terça-feira, focos de crise "pipocam" por todos os lados, no entanto, a expectativa maior é a reunião que acontecerá na sede de General Severiano. Nesta reunião, além de vários assuntos inapropriados, que não merecem sequer citação, são aprovados tres pedidos: A demissão de Anderson Barros; A exoneração de André Silva e a não liberação de 50% da carga de ingressos para a torcida do flamengo para o próximo clássico no Engenhão. Mais pauta para a reunião de quinta.
Dia do jogo contra o Emelec:
  • Tudo dentro do que se pode chamar de tranquilidade, tendo em mãos o que se apresentou anteriormente, e eis que se apresenta mais um estouro, mais uma bomba. Aparece uma entrevista gravada em vídeo do atleta Roger(Atacante do Vitória) dizendo que o nosso CAPITÃO Juninho, pediu para que o time deles tocasse mais a bola para que não saíssem mais gols(LINK AQUI), realmente estamos perto de não faltar mais nada. Creio até que com a chegada desta bomba lá no Equador, se pensou em tirar o CAPITÃO do jogo, pois em determinado momento foi anunciado no SporTV que Thiaguinho e Juninho eram dúvidas para o embate, porém como se confirmou a contusão do Thiaguinho, não deve ter havido jeito.Mais uma situação a ser analisada na reunião de quinta-feira.
  • O jogo em si foi terrível. Mas a classificação veio.
Meus Amigos,

Acordo hoje com a expectativa de apenas aguardar o desenrolar da tal reunião. Não é que ainda faltava algo. Recebo por e-mail através de um amigo, uma entrevista do Presidente Dentista ao V.A.(Vestiário Alvinegro) que reproduzo abaixo:

PRESIDENTE ESVAZIA REUNIÃO E DIZ QUE CLUBE PRECISA
PAGAR COMPROMISSO PELA CONTRATAÇÃO DE ZÉ ROBERTO

Falando após a derrota (2 x 1) para o Club Sport Emelec, na noite de quarta-feira, na saída do vestiário no Estádio George Capwell onde o Botafogo (graças ao placar agregado) obteve a classificação para a fase de quartas-de-final da Copa Sul-Americana, o presidente Maurício Assumpção confirmou: o clube está sendo cobrado (US$ 800 mil) pela Federação Internacional de Futebol Associado (FIFA). A dívida foi contraída e não honrada mais tarde pela administração Paulo Roberto de Freitas, em 2005, no ato da transferência de Zé Roberto junto ao Kashiwa Reysol, do Japão: "Se não pagar perderemos pontos no Brasileiro." E mais: não haverá reunião alguma nesta quinta-feira: "Daqui vou seguir para Goiânia. A reunião é de rotina. Vamos conversar uma série de situações. A minha administração não é autoritária. Vamos ter uma conversa de avaliação. Como a gente sempre faz com todos os membros da diretoria."

"Vamos falar sobre a situação no Brasileiro, dos problemas que envolvem o clube, sobre como obter os recursos necessários para honrar os nossos pagamentos e o dinheiro para pagar a FIFA. É mais uma que deixaram para nós." A respeito da situação de Jônatas foi direto: "Ele está treinando e caso Estevam queira volta ao grupo. Que eu saiba, não houve agressão alguma no vestiário. A questão dele é puramente técnica." O presidente comemorou a classificação e a verba a mais que o clube receberá por ter avançado de fase na competição continental:

"O mais importante é a classificação porque dá um moral ao grupo e trás recursos para um clube que apesar de todas as dificuldades está conseguindo estar em dia com os compromissos. E no domingo o time vai para dentro do Goiás porque precisa da vitória. Eu sou um torcedor. Estou presidente, mas continuo torcedor. E a torcida do Botafogo não merece o que está passando. Então, eu acredito que o time vá com ânimo renovado para enfrentar o Goiás." Maurício Assumpção garantiu ser zero a chance de o Botafogo repatriar Maicossuel ("Pedimos prioridade para uma futura negociação porque não é verdade que esteja fora do time. Vem sendo lançado aos poucos.") e admitiu conversar sobre Dodô.

"Primeiro tenho de saber se ele estaria disposto a se matar pelo clube. Ano que vem não queremos ver a atual situação se repetir. Se estiver disposto, a gente conversa. Não custa nada e eu gosto de uma boa conversa." O presidente certamente deve saber que Dodô tem altíssimo índice de rejeição junto à cachorrada desde o episódio do dopping. À época, o ex-presidente Carlos Augusto Montenegro chegou a declarar que Dodô jamais voltaria ao clube. No mês passado, em entrevista ao jornal "Folha de São Paulo", o atacante acusou os departamentos de fisiologia e nutrição pelo ocorrido. O caso está aos cuidados do Departamento Jurídico.
Antes de deixar o estádio, o presidente presenteou com camisas oficiais do Botafogo algumas crianças equatorianas que cercavam o ônibus.

* * * * *

Reparem nas partes em negrito, e me ajudem a descobrir se fora o rebaixamento(que ainda acredito que não ocorra), falte mais alguma coisa.

SAN!!!!!!

Emelec x Botafogo (Classficação)

Apesar da derrota. A Classificação!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Jogo de nível péssimo, o time do Emelec não se cria aqui pelo Cariocão, o nosso time está horroroso, este será o meu único comentário sobre este jogo, pois aqui estamos classificados, apesar de tudo.

Hoje terminamos mais uma Enquete neste espaço. A pergunta foi: Quem deve ser o reserva de Jefferson? Resultado abaixo:

Castillo 8%
Flávio 22%
Renan 48%
Milton Raphael 4%
Luís Guilherme 4%
Contratar Outro 14%

Apesar de ter votado no Flávio, pois no momento o Renan se encontra machucado, concordo com a opção mais votada, simplesmente por se tratar de um atleta nosso e não emprestado. Mais uma vez, agradeço a participação de todos. Até a próxima.

A guerra no dia de hoje será em outro "front", já volto com nova postagem tentando mostrar o que está ocorrendo no BFR, tipo "Resumão".

SAN!!!!!

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Botafogo x Emelec 2º Jogo

Hoje tem jogo, e a classificação é extremamente necessária!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Tenho muito a escrever, muito mesmo, mas prefiro aguardar a tão falada reunião que deverá acontecer amanhã na chegada da delegação, ainda mais que hoje é dia de jogo importante, e quanto menos negatividade melhor, e também por, dependendo do resultado da tal reunião, alguns assuntos se tornarem contraproducentes.
O Botafogo está fedendo, e precisando de um belíssimo banho, não de algumas gotas de perfume!
Logo mais é torcida pela Estrela Gloriosa.
Até amanhã!

SAN!!!!

domingo, 27 de setembro de 2009

Botafogo x Vitória (Resultado)

?

Uma Historinha com o "Enciclopédia".

Uma breve homenagem(dentre tantas) ao ídolo Nilton Santos.

Acordou bem cedinho. Estava louco para rever a sua cidade. Abriu a janela do apartamento e deu de cara com uma colossal manhã de sol, dessas que só mesmo o Rio de Janeiro é capaz de aprontar em pleno inverno. Pois a história que agora te conto, leitor, passou-se no recente mês de agosto.

Para não perder tempo, que as férias eram brevíssimas, o nosso amigo tomou uma xicrinha de café preto, enfiou no bolso uma pera, pra mais tarde, e saiu pelo Aterro do Flamengo, feliz da vida, de bermudas e tênis "Conga".

Caminhava e distribuía seu contentamento entre as árvores do Aterro, boas amigas que ele já não via há dez anos, quando deixou o Rio para ir cuidar de uma fazendola no interior de Minas.

Pelas tantas, quis tomar sol. Despiu a camisa de malha, deitou na arquibancada do campinho de futebol de salão e assim ficou um tempão, entregue ao regozijo de merecido repouso. Tamanho era o sossego que até chegou a tirar uma soneca.

- Ei, moço! bom-dia!

Era a voz de um dos três garotos que chegavam com uma indisfarçável secura de bola.

- Quer fazer um racha com a gente? A gente joga dois-contra-dois.

Deitado estava e deitado respondeu, no embalo:

- Vamos lá, pelada é comigo mesmo!

Resoluto, levantou-se, sacudiu as pernas e foi logo entrando no campo. Um campo de barro. O dono da bola, um menino de seus quinze anos, fez a apresentação da turma:

- Eu sou o Marcio, esse aí é o Dico e aquele é o Leo.

Nem esperou que o coroa se identificasse. Queria mais era começar logo o racha.

- Olha aqui, vai ser eu e o Dico contra o senhor e o Leo.

Pela rapidez da escalação, o coroa sentiu que devia estar entrando numa fria: o bom de bola, ali, devia ser o Dico. Discretamente, deu uma olhada e viu que o Leo não tinha a menor pinta. De qualquer modo, chamou de lado o Leo e propôs uma chave: o Leo lá na frente, ele mais atrás. Antes, porém, um teste sem aparentar outra intenção a não ser aquecer o corpo: na verdade, queria mesmo era saber se o Leo era de bola, ou não.

Tocou a bola na direção do Leo para ver que bicho dava. A bola beliscou a canela do Leo. O coroa chegou a pensar em desistir. Um sujeito de 61 anos, meio barrigudo, cheio de cabelos brancos:

- Meu Deus, o que é que estou fazendo aqui no meio desses meninos; uns meninões de quinze anos?

O diabo é que ele já tinha aceito o desafio. Não ficava bem correr da raia. Afinal de contas, não era a primeira, nem seria a última vez que a vida metia o nosso coroa em batalhas decisivas.

No meio do campo, o dono da bola vai cantando as regras do jogo: a partida é de cinco. Quem fizer cinco primeiro, ganha. Não vale gol direto. Não pode pegar a bola com a mão, só se já começar no gol de saída.

E como ninguém sequer pensou em jogar no gol, a partida começa com os quatro na linha. No centro do campo de terra batida, a bola de futebol de salão, por sinal que um tanto surrada.

A saída, lógico, é do Marcio. Marcio pro Dico, Dico pro Marcio, que tenta um drible. O coroa, vigilante, rouba a bola e contra-ataca. Procura o Leo. O Leo ficou lá atrás, paradão, sem saber pra que lado ir. O coroa então chuta do meio do campo. Gol!

- Não vale - grita o Marcio - eu avisei ao senhor que não vale gol direto. O senhor tem que passar a bola pro Leo! Ou o Leo pro senhor!

Gol anulado, começa tudo de novo. Saída com o Marcio. O coroa pede tempo. Cochicha uma tática no ouvido do Leo.

Bola em jogo. O Leo dispara e vai ficar plantado bem juntinho da baliza, como pediu o coroa.

Em dez minutos, o time do coroa já está ganhando de três a zero, três gols do Leo. O esquema funciona bem, mas o jogo é incessante, lá e cá. Agora mesmo, o Dico acaba de fazer o dele: três a um. E o Marcio delira com a reação.

Nova saída. O coroa arranca pelo meio dos dois, parece um foguete; vai em frente e entrega, mais uma vez, embaixo dos paus para o Leo fazer o quarto gol.

A essa altura, o coroa já passeia pelo campo, absoluto. Por sua vez, o time adversário já esta literalmente descadeirado.

Vai, pereba - berra o Marcio, colérico, para o Dico - Vai nele! Você não disse que o coroa não é de nada? Toma a bola dele, palhaço!

A dissensão nas hostes inimigas é profunda. O Marcio e o Dico vão acabar saindo na porrada. Pelo menos é o que pressente o coroa, achando, por isso, que o melhor é liquidar logo essa conta.

Vamos, então, mais que depressa ao quinto e derradeiro gol dessa inesquecível partida. Porque inesquecível, leitor, já, já saberemos.

O Marcio faz um passe longo para o Dico. O demônio do coroa, como sempre, adivinha a jogada, corta o centro com o peito em pleno ar e, antes que a bola caia no chão, amortece na coxa direita. Da coxa, a bola escorre para o peito do pé e pronto: uma, duas, três... o homem começa uma sucessão de embaixadas; faz nove em plena corrida. Na décima, depõe a bola na linha do gol, bem em cima da linha:

- Taí, Leo, faz o quinto e acaba logo o jogo.

- O Marcio, uma fera, vai apanhar a bola e nem volta para dizer até logo. O Dico sai de fininho, mal dá um tchau. O Leo, não, o Leo dá um abraço legal no companheiro de time.

O coroa senta de novo na arquibancada, tira do bolso a pera, dá uma mordida triunfal e fica ruminando, em silêncio, o bendito fruto de uma bela vitória.

Os três meninos foram embora sem saber que deram uma certa alegria ao coroa Nilton Santos, também chamado "A Enciclopédia do Futebol".

"Tu, também em campo,

parecia tantos,

E, no entanto,

que encanto!

Eras um só!

Nilton Santos"

Armando Nogueira


SAN!!!!!!!

Botafogo x Vitória

Mais um jogo decisivo.

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

A partir de agora será sempre assim, cada jogo uma decisão, no de hoje, teremos o nome do adversário como objetivo único e teremos um aperitivo sensacional, a inauguração da estátua do nosso ídolo Nilton Santos o "Enciclopédia", a magnífica estátua ficará em frente as grades da entrada oeste do Grande Engenho. O evento terá início às 16:30Hs, infelizmente o mestre Nilton não poderá estar presente em virtude de sua saúde debilitada, mas será representado por Dona Célia(esposa) e diversos amigos e companheiros. Vamos prestigiar, o Niltão merece.

Quanto ao time, o Estevam está cheio de problemas, não bastassem as ausências de Reinaldo e Renato(contundidos) e André Lima(suspenso), Gabriel sentiu a coxa no último treinamento e será avaliado no vestiário antes do jogo, dificilmente jogará. Para o ataque teremos as entradas de Victor Simões e Rodrigo Dantas, e para a vaga de Gabriel se este realmente não jogar, o Alessandro retornará a equipe com Thiaguinho sendo deslocado para a lateral esquerda. A movimentação nas laterais até são compreendidas, mas não consigo entender a entrada do Rodrigo Dantas, já que temos atacantes de ofício a disposição, se Ricardinho não convence ninguém e Jóbson acabou de chegar(deve ficar no banco), ainda temos Laio e Júnior, este último ainda nem testado no brasileirão. De qualquer forma, o nosso técnico ainda conta com a minha confiança e deve ter seus motivos para tal escalação, o importante será a vitória.

Postarei abaixo a ficha do jogo, e partirei para o Grande Engenho, espero voltar com ótimas notícias.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO x VITÓRIA

Local: Estádio Olímpico João Havelange, no Rio de Janeiro (RJ)
Data:
27 de setembro de 2009, domingo
Horário:
18h30 (de Brasília)
Árbitro:
Wallace Nascimento Valente (ES)
Assistentes:
Antônio Carlos de Oliveira e Fabiano Ramires (ambos do ES)

BOTAFOGO: Jéfferson, Emerson, Juninho e Wellington; Alessandro, Leandro Guerreiro, Jônatas, Lucio Flavio e Gabriel(Thiaguinho); Rodrigo Dantas e Víctor Simões.
Técnico: Estevam Soares

VITÓRIA: Viáfara, Apodi, Fábio Ferreira, Wallace e Leandro; Vanderson, Magal, Ramón e Leandro Domingues; Neto Berola e Roger
Técnico:
Vagner Mancini

SAN!!!!!!!!!!!!!!!

sábado, 26 de setembro de 2009

Os Números são frios e não mentem jamais.

Como analisar?
Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Com estes números acima, alguém consegue fazer uma análise sólida? Vejo alguns analistas especializados explicarem alguns itens de forma individualizada, em conjunto ainda não vi, e juro para voces que tentei e não consegui, por exemplo: Se somos o time que mais finaliza no campeonato, como estamos em 13º na quantidade de gols marcados?
Alguém se aventura a tentar mais algumas combinações inexplicáveis?

Ainda sobre números:

Jogos - Leandro Guerreiro(23), Juninho(22) e Alessandro(20).
Desarmes - Leandro Guerreiro(63), Juninho(51) e Eduardo(36).
C.Amarelos - Eduardo(7), Juninho(7) e André Lima(6).
Faltas - Fahel(52), Victor Simões(52) e Leandro Guerreiro(44).

Esses números acima demonstram algo para voces?

"Estatísticas completas."

SAN!!!!!!

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Botafogo x Emelec (Resultado 1º Jogo)

A vitória veio! Suficiente para jogarmos a volta com tranquilidade.

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Comandamos o jogo do início ao fim, não tivemos sustos, e a vitória veio com naturalidade, embora pudesse ter sido mais elástica. Sendo assim, hoje vou fazer um pouco diferente do que faço normalmente. Vou analisar apenas os nossos jogadores, pois a partida em si, não deixou muito o que falar.

  • Jefferson - Mero espectador, em todo o jogo se tocou na bola 5 vezes foi muito. Mérito pela terceira partida sem sofrer gols. Deu uma "Castillada". Nota: 6
  • Thiaguinho - O mesmo "burrinho veloz" de sempre, sendo que hoje com um pouco mais de lucidez, merece uma sequência. Um problema sério, é driblado com extrema facilidade na linha de fundo. Nota: 6
  • Emerson - Um erro primário no início do jogo, depois se firmou, e foi o melhor dos nossos zagueiros. Nota: 8
  • Juninho - Está com o pé descalibrado nas faltas, mas na zaga se saiu bem. Destaque para a bela jogada no gol do André Lima. Continuo afirmando que deve ser volante e não zagueiro. Nota 7
  • Wellington - Boa partida, bem nas antecipações, jogando sério sempre, em comprometer em nenhum momento. Nota 6
  • Gabriel - Ainda necessita de amadurecimento, mas é de longe o melhor que temos por aquele lado. Necessita de muita cobertura. Chega bem no ataque. Nota 6
  • Alessandro - Entrou no lugar do Gabriel, e demonstrou mais uma vez toda a sua falta de intimidade com a bola. Nota: 3
  • Leandro Guerreiro - Defendendo, a regularidade de sempre. Hoje arriscou um pouco nas subidas, tentando até bons chutes a gol. Boa partida. Nota: 8
  • Jônatas - A categoria de sempre. Sabe jogar e se quiser será um dos destaques do time. Hoje ficou devendo um pouco na dedicação. Nota: 7
  • Fahel - Substituiu Jônatas, e foi um artista no jogo. Nunca vi tantos torcedores gargalhando ao mesmo tempo. Ainda bem que estávamos ganhando o jogo. (artista=lambão) Nota: 1 (porque entrou em campo)
  • Lúcio Flávio - Hoje fica difícil falar sobre ele. Sinceramente, se tirarmos as bolas paradas, não apareceu no jogo. Pode dar muito mais ao time. Renato no momento deve ser titular em seu lugar. Nota: 4
  • Renato - Boa partida, aparecendo para o jogo, se movimentando e até voltando para a marcação. Mostrou presença de área(mais uma vez)no lance do gol. infelizmente saiu sentindo contusão, de novo. Nota: 8
  • Ricardinho - Substituiu Renato, para mostrar mais uma vez, que não tem a menor condição de jogar futebol. Erra tudo o que tenta. Nota: 2 (pela bola na trave)
  • André Lima - Luta e disposição não faltam. Fez um gol importante bem no seu estilo. Um porém, alguém tem que conversar com ele a respeito dos mergulhos, avisem que ali é um campo gramado, e não uma piscina. Nota: 7

FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO 2 X 0 EMELEC

Estádio: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 23/09/09 - 21h50min
Árbitro - Carlos Galeano(PAR)
Auxiliares - Rodney Aquino (PAR) e Milciades Saldívar (PAR)
Renda/Público: R$ 50.731,00 / 4.500 pagantes
Cartões amarelos: André Lima (BOT) Aguirre e Bran(EME)
Cartões vermelhos: Não Houve

GOLS: Renato, 46'/1°T (1-0); André Lima, 18'/2°T (2-0);

BOTAFOGO: Jeferson, Emerson, Juninho e Wellington; Thiaguinho, Leandro Guerreiro, Jônatas (Fahel, 30'/2ºT), Lucio Flavio, Renato (Ricardinho, 15'/2ºT) e Gabriel (Alessandro, 19'/2ºT); André Lima. Técnico: Estevam Soares.

EMELEC: Elizaga, Achiller, Fleitas, Mina e Aguirre; Quiroz, Bran (Rivera, 25'/2ºT), Pérez (Estacio, 25'/2ºT)e Raponi; Rojas e Peirone (Mendonza, intervalo). Técnico: Gabirel Perrone.



Bom meus Amigos, espero que esta vitória nos traga um pouco de confiança para o embate de domingo contra o Vitória, sempre lembrando que o mesmo foi humilhado na derrota de 4x1 que sofreu, tornando assim este jogo muito perigoso, além de importantíssimo para nós. Por hoje é só! Até a próxima.

SAN!!!!!!!!

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Botafogo x Emelec (+ notinhas básicas)

A Classificação terá que vir hoje!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Faço a afirmação acima, pois, não podemos deixar para decidir lá nas alturas, nossa equipe corre atrás de conseguir uma preparação física adequada, e lá no Equador irá sofrer muito, com toda certeza. Então, temos que conseguir uma vitória convincente logo mais, para que possamos administrar com inteligencia o jogo de volta, sem precisarmos forçar além do mínimo necessário.

Vejo o Estevam, com a escalação do Renato, tentando encontrar uma formação que dê força ofensiva sem perder o poder defensivo, neste ponto, eu, na minha humilde opinião vejo um erro, ou melhor, penso diferente dele. Em especial neste jogo de hoje, escalaria o Renato sim, porém, no lugar do Lúcio Flávio, até para testar o meio de campo com dois jogadores de características diferentes, pois, Lúcio e Jônatas se equivalem no quesito cadência de jogo. Já no ataque, escalaria qualquer um dos reservas, já que não vejo ninguém em condições de representar alguma diferença, aliás, daria uma oportunidade ao garoto Júnior, já que tanto faz, não custa nada tentar. Na defesa, as alternativas existentes são as que irão jogar, com a permanência do Thiaguinho na lateral direita, o que irá representar um pouco mais de velocidade com a mesma quantidade de falta de raciocínio.

Bom, meus Amigos, estes são apenas alguns "pitacos", pois, qualquer um que entrar com aquela Gloriosa Estrela no peito, terá sempre a minha mais fervorosa e apaixonada torcida. Abaixo deixarei a Ficha técnica do embate, e mais abaixo ainda, algumas notinhas do que anda acontecendo lá por GS, algumas delas fazem passar pela minha cabeça a ideia de me afastar, nem que seja um pouco, do meu Glorioso. Mas, como já passei por fases piores(embora não tão imbecis)e não consegui, acredito que este afastamento também não virá desta vez.

FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO X EMELEC (EQU)

Estádio: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 22/09/09 - 21h50
Árbitro: Carlos Galeano (PAR)
Auxiliares: Rodney Aquino (PAR) e Milcíades Saldívar (PAR)

Botafogo: Jefferson, Emerson, Juninho e Wellington; Thiaguinho, Leandro Guerreiro, Jonatas, Lúcio Flávio, Renato e Gabriel; André Lima. Técnico: Estevam Soares.

Emelec: Elizaga, Carlos Quiñónez, Fleitas, Mina e Aguirre; José Quiñónez, Quiroz, Pérez e Raponi; Peirone e Rojas. Técnico: Gabriel Perrone.


Notinhas:

  • Hoje li no Blog do MCR, que O Globo publicou uma matéria requentada(pois já havia sido publicada em 13/09 pelo Estadão/SP)sobre a investigação do TCU sobre o Contrato da Cia. Botafogo com a Liquigás, investigação que em nada dará, na minha opinião. Porém, o mais interessante é que nesta matéria do Estadão, menciona-se que até Dezembro o BFR ainda tem a receber R$1,5 milhão da Liquigás. Ué? Em 2008 antes da eleição não foi dito por diversos membros da Diretoria atual, e até por alguns jornalistas(Renato Maurício Prado e Márcio Guedes, por exemplo), que a Gestão anterior já tinha utilizado todos estes recursos? Mais mentiras? Não entendo mais nada, ou melhor, entendo mas não quero.
  • Assistindo ao Redação Sportv mais cedo, vi uma matéria com o Estevam Soares dizendo que ao assistir uma movimentação dos atletas a distância, PRESSENTIU que o momento ruim estava prestes a terminar. Para o nosso bem, e o dele também, torço para que sua "Bola de Cristal" esteja funcionando perfeitamente.
  • E o caso Michael continua se arrastando, após nosso técnico, com a repetição(inclusive) do nosso VP de futebol, dizer que este atleta não mais atuaria pelo Glorioso, eis que nosso Presidente diz que o atleta poderá ser reincorporado ao elenco. Sem "cornetagem" nenhuma, como levar a sério esta turma?
  • Tony, Jean Coral, Ricardinho, Rodrigo Fuska, Marquinhos e agora Jóbson, entre outros. E pensar que ouvi em início de mandato a seguinte frase: "- Prefiro contratar um de R$100 mil, que resolva, do que dez de R$10 mil." Mas mentiras?
Vejo vocês no Grande Engenho, logo mais,

SAN!!!!!!!


terça-feira, 22 de setembro de 2009

Julgamento Botafogo x Grêmio (Resultado)

Justiça Cega.

- Fahel - Julgado por sua expulsão no jogo contra o Cruzeiro, foi punido com uma partida de suspensão.

- Botafogo - No julgamento pela confusão após o jogo contra o grêmio, o BFR foi absolvido por 3 votos a 1 no artigo 213(deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens em sua praça de desporto)e por unanimidae no artigo 211(deixar de manter o local que tenha indicado para realização do evento com infraestrutura necessária a assegurar plena garantia e segurança para sua realização).

Ou seja, um grande circo, instaurado por algum palhaço que não tem absolutamente nada para fazer. Vou destacar abaixo, o único voto contrário a absolvição do BFR, para que nunca mais esqueçamos do nome do sujeito.

-"O AUDITOR JOSÉ PEREZ VOTA NO SENTIDO DE PUNIR O CLUBE NA PERDA DE DOIS MANDOS DE CAMPO E R$ 30 MIL DE MULTA. ELE LEMBRA QUE O BOTAFOGO TEM O PRECEDENTE DE RECLAMAR DE FORMA ACINTOSA DE ATOS CONTRÁRIOS AO CLUBE. NO ARTIGO 211, O AUDITOR VOTA NO SENTINDO DE ABSOLVER O GLORIOSO."

Missão cumprida, me despeço por hoje.

SAN!!!!!