quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Botafogo x Emelec 2º Jogo

Hoje tem jogo, e a classificação é extremamente necessária!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Tenho muito a escrever, muito mesmo, mas prefiro aguardar a tão falada reunião que deverá acontecer amanhã na chegada da delegação, ainda mais que hoje é dia de jogo importante, e quanto menos negatividade melhor, e também por, dependendo do resultado da tal reunião, alguns assuntos se tornarem contraproducentes.
O Botafogo está fedendo, e precisando de um belíssimo banho, não de algumas gotas de perfume!
Logo mais é torcida pela Estrela Gloriosa.
Até amanhã!

SAN!!!!

domingo, 27 de setembro de 2009

Botafogo x Vitória (Resultado)

?

Uma Historinha com o "Enciclopédia".

Uma breve homenagem(dentre tantas) ao ídolo Nilton Santos.

Acordou bem cedinho. Estava louco para rever a sua cidade. Abriu a janela do apartamento e deu de cara com uma colossal manhã de sol, dessas que só mesmo o Rio de Janeiro é capaz de aprontar em pleno inverno. Pois a história que agora te conto, leitor, passou-se no recente mês de agosto.

Para não perder tempo, que as férias eram brevíssimas, o nosso amigo tomou uma xicrinha de café preto, enfiou no bolso uma pera, pra mais tarde, e saiu pelo Aterro do Flamengo, feliz da vida, de bermudas e tênis "Conga".

Caminhava e distribuía seu contentamento entre as árvores do Aterro, boas amigas que ele já não via há dez anos, quando deixou o Rio para ir cuidar de uma fazendola no interior de Minas.

Pelas tantas, quis tomar sol. Despiu a camisa de malha, deitou na arquibancada do campinho de futebol de salão e assim ficou um tempão, entregue ao regozijo de merecido repouso. Tamanho era o sossego que até chegou a tirar uma soneca.

- Ei, moço! bom-dia!

Era a voz de um dos três garotos que chegavam com uma indisfarçável secura de bola.

- Quer fazer um racha com a gente? A gente joga dois-contra-dois.

Deitado estava e deitado respondeu, no embalo:

- Vamos lá, pelada é comigo mesmo!

Resoluto, levantou-se, sacudiu as pernas e foi logo entrando no campo. Um campo de barro. O dono da bola, um menino de seus quinze anos, fez a apresentação da turma:

- Eu sou o Marcio, esse aí é o Dico e aquele é o Leo.

Nem esperou que o coroa se identificasse. Queria mais era começar logo o racha.

- Olha aqui, vai ser eu e o Dico contra o senhor e o Leo.

Pela rapidez da escalação, o coroa sentiu que devia estar entrando numa fria: o bom de bola, ali, devia ser o Dico. Discretamente, deu uma olhada e viu que o Leo não tinha a menor pinta. De qualquer modo, chamou de lado o Leo e propôs uma chave: o Leo lá na frente, ele mais atrás. Antes, porém, um teste sem aparentar outra intenção a não ser aquecer o corpo: na verdade, queria mesmo era saber se o Leo era de bola, ou não.

Tocou a bola na direção do Leo para ver que bicho dava. A bola beliscou a canela do Leo. O coroa chegou a pensar em desistir. Um sujeito de 61 anos, meio barrigudo, cheio de cabelos brancos:

- Meu Deus, o que é que estou fazendo aqui no meio desses meninos; uns meninões de quinze anos?

O diabo é que ele já tinha aceito o desafio. Não ficava bem correr da raia. Afinal de contas, não era a primeira, nem seria a última vez que a vida metia o nosso coroa em batalhas decisivas.

No meio do campo, o dono da bola vai cantando as regras do jogo: a partida é de cinco. Quem fizer cinco primeiro, ganha. Não vale gol direto. Não pode pegar a bola com a mão, só se já começar no gol de saída.

E como ninguém sequer pensou em jogar no gol, a partida começa com os quatro na linha. No centro do campo de terra batida, a bola de futebol de salão, por sinal que um tanto surrada.

A saída, lógico, é do Marcio. Marcio pro Dico, Dico pro Marcio, que tenta um drible. O coroa, vigilante, rouba a bola e contra-ataca. Procura o Leo. O Leo ficou lá atrás, paradão, sem saber pra que lado ir. O coroa então chuta do meio do campo. Gol!

- Não vale - grita o Marcio - eu avisei ao senhor que não vale gol direto. O senhor tem que passar a bola pro Leo! Ou o Leo pro senhor!

Gol anulado, começa tudo de novo. Saída com o Marcio. O coroa pede tempo. Cochicha uma tática no ouvido do Leo.

Bola em jogo. O Leo dispara e vai ficar plantado bem juntinho da baliza, como pediu o coroa.

Em dez minutos, o time do coroa já está ganhando de três a zero, três gols do Leo. O esquema funciona bem, mas o jogo é incessante, lá e cá. Agora mesmo, o Dico acaba de fazer o dele: três a um. E o Marcio delira com a reação.

Nova saída. O coroa arranca pelo meio dos dois, parece um foguete; vai em frente e entrega, mais uma vez, embaixo dos paus para o Leo fazer o quarto gol.

A essa altura, o coroa já passeia pelo campo, absoluto. Por sua vez, o time adversário já esta literalmente descadeirado.

Vai, pereba - berra o Marcio, colérico, para o Dico - Vai nele! Você não disse que o coroa não é de nada? Toma a bola dele, palhaço!

A dissensão nas hostes inimigas é profunda. O Marcio e o Dico vão acabar saindo na porrada. Pelo menos é o que pressente o coroa, achando, por isso, que o melhor é liquidar logo essa conta.

Vamos, então, mais que depressa ao quinto e derradeiro gol dessa inesquecível partida. Porque inesquecível, leitor, já, já saberemos.

O Marcio faz um passe longo para o Dico. O demônio do coroa, como sempre, adivinha a jogada, corta o centro com o peito em pleno ar e, antes que a bola caia no chão, amortece na coxa direita. Da coxa, a bola escorre para o peito do pé e pronto: uma, duas, três... o homem começa uma sucessão de embaixadas; faz nove em plena corrida. Na décima, depõe a bola na linha do gol, bem em cima da linha:

- Taí, Leo, faz o quinto e acaba logo o jogo.

- O Marcio, uma fera, vai apanhar a bola e nem volta para dizer até logo. O Dico sai de fininho, mal dá um tchau. O Leo, não, o Leo dá um abraço legal no companheiro de time.

O coroa senta de novo na arquibancada, tira do bolso a pera, dá uma mordida triunfal e fica ruminando, em silêncio, o bendito fruto de uma bela vitória.

Os três meninos foram embora sem saber que deram uma certa alegria ao coroa Nilton Santos, também chamado "A Enciclopédia do Futebol".

"Tu, também em campo,

parecia tantos,

E, no entanto,

que encanto!

Eras um só!

Nilton Santos"

Armando Nogueira


SAN!!!!!!!

Botafogo x Vitória

Mais um jogo decisivo.

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

A partir de agora será sempre assim, cada jogo uma decisão, no de hoje, teremos o nome do adversário como objetivo único e teremos um aperitivo sensacional, a inauguração da estátua do nosso ídolo Nilton Santos o "Enciclopédia", a magnífica estátua ficará em frente as grades da entrada oeste do Grande Engenho. O evento terá início às 16:30Hs, infelizmente o mestre Nilton não poderá estar presente em virtude de sua saúde debilitada, mas será representado por Dona Célia(esposa) e diversos amigos e companheiros. Vamos prestigiar, o Niltão merece.

Quanto ao time, o Estevam está cheio de problemas, não bastassem as ausências de Reinaldo e Renato(contundidos) e André Lima(suspenso), Gabriel sentiu a coxa no último treinamento e será avaliado no vestiário antes do jogo, dificilmente jogará. Para o ataque teremos as entradas de Victor Simões e Rodrigo Dantas, e para a vaga de Gabriel se este realmente não jogar, o Alessandro retornará a equipe com Thiaguinho sendo deslocado para a lateral esquerda. A movimentação nas laterais até são compreendidas, mas não consigo entender a entrada do Rodrigo Dantas, já que temos atacantes de ofício a disposição, se Ricardinho não convence ninguém e Jóbson acabou de chegar(deve ficar no banco), ainda temos Laio e Júnior, este último ainda nem testado no brasileirão. De qualquer forma, o nosso técnico ainda conta com a minha confiança e deve ter seus motivos para tal escalação, o importante será a vitória.

Postarei abaixo a ficha do jogo, e partirei para o Grande Engenho, espero voltar com ótimas notícias.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO x VITÓRIA

Local: Estádio Olímpico João Havelange, no Rio de Janeiro (RJ)
Data:
27 de setembro de 2009, domingo
Horário:
18h30 (de Brasília)
Árbitro:
Wallace Nascimento Valente (ES)
Assistentes:
Antônio Carlos de Oliveira e Fabiano Ramires (ambos do ES)

BOTAFOGO: Jéfferson, Emerson, Juninho e Wellington; Alessandro, Leandro Guerreiro, Jônatas, Lucio Flavio e Gabriel(Thiaguinho); Rodrigo Dantas e Víctor Simões.
Técnico: Estevam Soares

VITÓRIA: Viáfara, Apodi, Fábio Ferreira, Wallace e Leandro; Vanderson, Magal, Ramón e Leandro Domingues; Neto Berola e Roger
Técnico:
Vagner Mancini

SAN!!!!!!!!!!!!!!!

sábado, 26 de setembro de 2009

Os Números são frios e não mentem jamais.

Como analisar?
Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Com estes números acima, alguém consegue fazer uma análise sólida? Vejo alguns analistas especializados explicarem alguns itens de forma individualizada, em conjunto ainda não vi, e juro para voces que tentei e não consegui, por exemplo: Se somos o time que mais finaliza no campeonato, como estamos em 13º na quantidade de gols marcados?
Alguém se aventura a tentar mais algumas combinações inexplicáveis?

Ainda sobre números:

Jogos - Leandro Guerreiro(23), Juninho(22) e Alessandro(20).
Desarmes - Leandro Guerreiro(63), Juninho(51) e Eduardo(36).
C.Amarelos - Eduardo(7), Juninho(7) e André Lima(6).
Faltas - Fahel(52), Victor Simões(52) e Leandro Guerreiro(44).

Esses números acima demonstram algo para voces?

"Estatísticas completas."

SAN!!!!!!

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Botafogo x Emelec (Resultado 1º Jogo)

A vitória veio! Suficiente para jogarmos a volta com tranquilidade.

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Comandamos o jogo do início ao fim, não tivemos sustos, e a vitória veio com naturalidade, embora pudesse ter sido mais elástica. Sendo assim, hoje vou fazer um pouco diferente do que faço normalmente. Vou analisar apenas os nossos jogadores, pois a partida em si, não deixou muito o que falar.

  • Jefferson - Mero espectador, em todo o jogo se tocou na bola 5 vezes foi muito. Mérito pela terceira partida sem sofrer gols. Deu uma "Castillada". Nota: 6
  • Thiaguinho - O mesmo "burrinho veloz" de sempre, sendo que hoje com um pouco mais de lucidez, merece uma sequência. Um problema sério, é driblado com extrema facilidade na linha de fundo. Nota: 6
  • Emerson - Um erro primário no início do jogo, depois se firmou, e foi o melhor dos nossos zagueiros. Nota: 8
  • Juninho - Está com o pé descalibrado nas faltas, mas na zaga se saiu bem. Destaque para a bela jogada no gol do André Lima. Continuo afirmando que deve ser volante e não zagueiro. Nota 7
  • Wellington - Boa partida, bem nas antecipações, jogando sério sempre, em comprometer em nenhum momento. Nota 6
  • Gabriel - Ainda necessita de amadurecimento, mas é de longe o melhor que temos por aquele lado. Necessita de muita cobertura. Chega bem no ataque. Nota 6
  • Alessandro - Entrou no lugar do Gabriel, e demonstrou mais uma vez toda a sua falta de intimidade com a bola. Nota: 3
  • Leandro Guerreiro - Defendendo, a regularidade de sempre. Hoje arriscou um pouco nas subidas, tentando até bons chutes a gol. Boa partida. Nota: 8
  • Jônatas - A categoria de sempre. Sabe jogar e se quiser será um dos destaques do time. Hoje ficou devendo um pouco na dedicação. Nota: 7
  • Fahel - Substituiu Jônatas, e foi um artista no jogo. Nunca vi tantos torcedores gargalhando ao mesmo tempo. Ainda bem que estávamos ganhando o jogo. (artista=lambão) Nota: 1 (porque entrou em campo)
  • Lúcio Flávio - Hoje fica difícil falar sobre ele. Sinceramente, se tirarmos as bolas paradas, não apareceu no jogo. Pode dar muito mais ao time. Renato no momento deve ser titular em seu lugar. Nota: 4
  • Renato - Boa partida, aparecendo para o jogo, se movimentando e até voltando para a marcação. Mostrou presença de área(mais uma vez)no lance do gol. infelizmente saiu sentindo contusão, de novo. Nota: 8
  • Ricardinho - Substituiu Renato, para mostrar mais uma vez, que não tem a menor condição de jogar futebol. Erra tudo o que tenta. Nota: 2 (pela bola na trave)
  • André Lima - Luta e disposição não faltam. Fez um gol importante bem no seu estilo. Um porém, alguém tem que conversar com ele a respeito dos mergulhos, avisem que ali é um campo gramado, e não uma piscina. Nota: 7

FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO 2 X 0 EMELEC

Estádio: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 23/09/09 - 21h50min
Árbitro - Carlos Galeano(PAR)
Auxiliares - Rodney Aquino (PAR) e Milciades Saldívar (PAR)
Renda/Público: R$ 50.731,00 / 4.500 pagantes
Cartões amarelos: André Lima (BOT) Aguirre e Bran(EME)
Cartões vermelhos: Não Houve

GOLS: Renato, 46'/1°T (1-0); André Lima, 18'/2°T (2-0);

BOTAFOGO: Jeferson, Emerson, Juninho e Wellington; Thiaguinho, Leandro Guerreiro, Jônatas (Fahel, 30'/2ºT), Lucio Flavio, Renato (Ricardinho, 15'/2ºT) e Gabriel (Alessandro, 19'/2ºT); André Lima. Técnico: Estevam Soares.

EMELEC: Elizaga, Achiller, Fleitas, Mina e Aguirre; Quiroz, Bran (Rivera, 25'/2ºT), Pérez (Estacio, 25'/2ºT)e Raponi; Rojas e Peirone (Mendonza, intervalo). Técnico: Gabirel Perrone.



Bom meus Amigos, espero que esta vitória nos traga um pouco de confiança para o embate de domingo contra o Vitória, sempre lembrando que o mesmo foi humilhado na derrota de 4x1 que sofreu, tornando assim este jogo muito perigoso, além de importantíssimo para nós. Por hoje é só! Até a próxima.

SAN!!!!!!!!

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Botafogo x Emelec (+ notinhas básicas)

A Classificação terá que vir hoje!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Faço a afirmação acima, pois, não podemos deixar para decidir lá nas alturas, nossa equipe corre atrás de conseguir uma preparação física adequada, e lá no Equador irá sofrer muito, com toda certeza. Então, temos que conseguir uma vitória convincente logo mais, para que possamos administrar com inteligencia o jogo de volta, sem precisarmos forçar além do mínimo necessário.

Vejo o Estevam, com a escalação do Renato, tentando encontrar uma formação que dê força ofensiva sem perder o poder defensivo, neste ponto, eu, na minha humilde opinião vejo um erro, ou melhor, penso diferente dele. Em especial neste jogo de hoje, escalaria o Renato sim, porém, no lugar do Lúcio Flávio, até para testar o meio de campo com dois jogadores de características diferentes, pois, Lúcio e Jônatas se equivalem no quesito cadência de jogo. Já no ataque, escalaria qualquer um dos reservas, já que não vejo ninguém em condições de representar alguma diferença, aliás, daria uma oportunidade ao garoto Júnior, já que tanto faz, não custa nada tentar. Na defesa, as alternativas existentes são as que irão jogar, com a permanência do Thiaguinho na lateral direita, o que irá representar um pouco mais de velocidade com a mesma quantidade de falta de raciocínio.

Bom, meus Amigos, estes são apenas alguns "pitacos", pois, qualquer um que entrar com aquela Gloriosa Estrela no peito, terá sempre a minha mais fervorosa e apaixonada torcida. Abaixo deixarei a Ficha técnica do embate, e mais abaixo ainda, algumas notinhas do que anda acontecendo lá por GS, algumas delas fazem passar pela minha cabeça a ideia de me afastar, nem que seja um pouco, do meu Glorioso. Mas, como já passei por fases piores(embora não tão imbecis)e não consegui, acredito que este afastamento também não virá desta vez.

FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO X EMELEC (EQU)

Estádio: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 22/09/09 - 21h50
Árbitro: Carlos Galeano (PAR)
Auxiliares: Rodney Aquino (PAR) e Milcíades Saldívar (PAR)

Botafogo: Jefferson, Emerson, Juninho e Wellington; Thiaguinho, Leandro Guerreiro, Jonatas, Lúcio Flávio, Renato e Gabriel; André Lima. Técnico: Estevam Soares.

Emelec: Elizaga, Carlos Quiñónez, Fleitas, Mina e Aguirre; José Quiñónez, Quiroz, Pérez e Raponi; Peirone e Rojas. Técnico: Gabriel Perrone.


Notinhas:

  • Hoje li no Blog do MCR, que O Globo publicou uma matéria requentada(pois já havia sido publicada em 13/09 pelo Estadão/SP)sobre a investigação do TCU sobre o Contrato da Cia. Botafogo com a Liquigás, investigação que em nada dará, na minha opinião. Porém, o mais interessante é que nesta matéria do Estadão, menciona-se que até Dezembro o BFR ainda tem a receber R$1,5 milhão da Liquigás. Ué? Em 2008 antes da eleição não foi dito por diversos membros da Diretoria atual, e até por alguns jornalistas(Renato Maurício Prado e Márcio Guedes, por exemplo), que a Gestão anterior já tinha utilizado todos estes recursos? Mais mentiras? Não entendo mais nada, ou melhor, entendo mas não quero.
  • Assistindo ao Redação Sportv mais cedo, vi uma matéria com o Estevam Soares dizendo que ao assistir uma movimentação dos atletas a distância, PRESSENTIU que o momento ruim estava prestes a terminar. Para o nosso bem, e o dele também, torço para que sua "Bola de Cristal" esteja funcionando perfeitamente.
  • E o caso Michael continua se arrastando, após nosso técnico, com a repetição(inclusive) do nosso VP de futebol, dizer que este atleta não mais atuaria pelo Glorioso, eis que nosso Presidente diz que o atleta poderá ser reincorporado ao elenco. Sem "cornetagem" nenhuma, como levar a sério esta turma?
  • Tony, Jean Coral, Ricardinho, Rodrigo Fuska, Marquinhos e agora Jóbson, entre outros. E pensar que ouvi em início de mandato a seguinte frase: "- Prefiro contratar um de R$100 mil, que resolva, do que dez de R$10 mil." Mas mentiras?
Vejo vocês no Grande Engenho, logo mais,

SAN!!!!!!!


terça-feira, 22 de setembro de 2009

Julgamento Botafogo x Grêmio (Resultado)

Justiça Cega.

- Fahel - Julgado por sua expulsão no jogo contra o Cruzeiro, foi punido com uma partida de suspensão.

- Botafogo - No julgamento pela confusão após o jogo contra o grêmio, o BFR foi absolvido por 3 votos a 1 no artigo 213(deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens em sua praça de desporto)e por unanimidae no artigo 211(deixar de manter o local que tenha indicado para realização do evento com infraestrutura necessária a assegurar plena garantia e segurança para sua realização).

Ou seja, um grande circo, instaurado por algum palhaço que não tem absolutamente nada para fazer. Vou destacar abaixo, o único voto contrário a absolvição do BFR, para que nunca mais esqueçamos do nome do sujeito.

-"O AUDITOR JOSÉ PEREZ VOTA NO SENTIDO DE PUNIR O CLUBE NA PERDA DE DOIS MANDOS DE CAMPO E R$ 30 MIL DE MULTA. ELE LEMBRA QUE O BOTAFOGO TEM O PRECEDENTE DE RECLAMAR DE FORMA ACINTOSA DE ATOS CONTRÁRIOS AO CLUBE. NO ARTIGO 211, O AUDITOR VOTA NO SENTINDO DE ABSOLVER O GLORIOSO."

Missão cumprida, me despeço por hoje.

SAN!!!!!

Superstição? O 13 traz sorte ou a falta dela?

São 13 Empates. Este número cabalístico irá nos ajudar?

Como bom Botafoguense, também tenho minhas superstições, e por chegarmos ao 13º empate, pergunto aos meus leitores: Será a partir daí, o nosso momento de virada no Brasileirão?
Obviamente é uma brincadeira que faço e sinceramente, acredito muito em trabalho e competência, as mandingas, manias e rituais, por vezes acontecem, mas são bastante pessoais e momentâneas.
Fato é que baseado em levantamento feito pelo Lancenet, neste link, visualizei que de 2004 para cá, na 25ª rodada, apenas o próprio Botafogo alcançou número semelhante(em 2007) e superior(18 em 2004). Ao fim do campeonato tivemos como rebaixados em 2004, o Criciúma e o Vitória em 17º e 19º lugares respectivamente com 13 empates, e em 2005 o Coritiba e o Atlético MG em 17º e 18º com os mesmos 13 empates. Lembrando que nenhum dos rebaixados neste período obteve número maior de igualdade nos resultados, no entanto, alguns dos que não caíram, obtiveram mais igualdades. Será que dá para fazermos uma análise? Eu acho que até dá, mas vou deixar para os especialistas(de preferência matemáticos), pois existem muitos outros detalhes que só a eles cabem. Quanto a mim, vou ficando com minhas mandingas e manias, que não revelo, pois dizem que se reveladas são anuladas.

Informações de 22/09/2009:

  • Em um dia que deveríamos estar preocupados com a montagem do time para amanhã e domingo, temos que nos preocupar com os bacaninhas do STJD, que sem levar em consideração a súmula do jogo contra o Grêmio no Grande Engenho(que nos isentava de qualquer punição)resolveram nos colocar como réus, podendo nos imputar uma pena de multa de R$200 mil e perda de mando de campo de até 10 jogos. Parece que com isso eles querem dizer que quem julga são eles, e que o juiz do jogo, não passa de um palhaço que é obrigado a estar ali, pois não "APITA NADA". Ainda vai ter o caso do Leandro Guerreiro que foi julgado pelo árbitro(cartão amarelo), por eles(absolvido), e terá que ser novamente julgado por eles, pois alguém lá dentro não ficou satisfeito. Ah! O Fahel também será julgado hoje pela expulsão contra o Cruzeiro no Grande Engenho.
  • Leandro Guerreiro diz que gostaria que o jogo de amanhã fosse pelo Brasileirão e não pela Sul Americana. Acho que este tipo de declaração demonstra a ansiedade pela qual o grupo está passando, por isso acredito que este problema deva ser atacado de forma frontal e dura pelo profissional responsável pelo psicológico dos nosso atletas. Se essa não for a hora, não sei o que tal profissional faz por lá.
  • Emelec diz que vem para se defender e fazer o máximo para não levar gols, se puder fazer unzinho será ótimo. Aí Estevam, presta atenção no serviço(vou te twittar hoje), nós somos os donos da casa e devemos nos portar como tal, ok?
  • Arbitragem para amanhã: O trio será composto pelo árbitro Carlos Galeano, que será auxiliado por Rodney Aquino e Milciades Saldívar, todos do Paraguai.
Obs: Se o tempo me permitir, vou acompanhar o julgamento a partir das 18Hs e assim que sair o resultado postarei por aqui, mas quem quiser acompanhar diretamente é só clicar NESTE LINK e procurar julgamento em tempo real.

Alteração16:40Hs:

O Botafogo anuncia a contratação de Jóbson, atacante de 21 anos, que pertence ao Brasiliense. O jogador, que estava atuando pelo Jeju United (COR), acertou por empréstimo até o fim do ano. Ele chega para ajudar o grupo no Campeonato Brasileiro e também na Sul-Americana, na qual poderá ser inscrito apenas na próxima fase.


Nome completo: Jóbson Leandro Pereira de Oliveira
Nascimento: 15/02/1988, em Conceição do Araguaia (PR)
Altura e Peso: 1,75m e 72kg
Clubes: Brasiliense e Jeju United (COR)

É! Após o julgamento retorno.


SAN!!!!!!!!!

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Ingressos à venda para Botafogo x Emelec

Partida será no Grande Engenho - 23/09/2009 - 21:50Hs.

Os ingressos para a partida entre Botafogo e Emelec, do Equador, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana já estão à venda. As equipes se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h50m, no Engenhão. Os ingressos para todos os setores custarão R$ 20, com exceção da área VIP, a R$ 35.

As equipes voltam a se enfrentar no dia 30, em Guaiaquil. Quem ficar com a vaga nas quartas pega o vencedor do confronto entre Goiás e Cerro Porteño.

Os bilhetes estão à venda na sede de General Severiano, no Engenhão e nos postos credenciados, das 10h às 17h.

Confira os postos credenciados:

Postos de Gasolina
BR Parque das Rosas: Avenida das Américas 3757 – Barra da Tijuca
BR Piraquê: Avenida Borges de Medeiros, s/n – Lagoa
BR Bouganville: Rua Uruguai 50 – Tijuca
BR Radial Oeste: Avenida Presidente Castelo Branco – Tijuca
BR Piratininga – Avenida Almirante Tamandaré – 665
BR Jacarepaguá - Estrada dos Bandeirantes
Posto Shell – Avenida Roberto Silveira 9 – Niterói
Posto Shell – Rua Felipe Cardoso, 1975 – Santa Cruz

Agências de Turismo / Lojas
Levi’s Petrópolis: Rua Dr. Nelson de Sá Earp, 88 lj39 – Petrópolis
Modern Sound – Barata Ribeiro, 502 d – Copacabana
Sushiquim - Rua das Laranjeiras, 115 - Laranjeiras
900 Graus: Praça Porto Rocha, 6 loja – Cabo Frio
900 Graus: Rua Professor Francisco Fonseca, 423 Bacaxá – Saquarema
900 Graus: Avenida John Kennedy, 292 loja 128 – Araruama
Acr Caxias: Rua José de Alvarenga, 200 – Centro
Celcar Jeans: Rua Nilo Peçanha, 2 – São Gonçalo
Celcar Jeans: Praça Carlos Gianely, 67 – Alcântara
Banco de Areia: Shopping Downtown – Barra
Banco de Areia: Búzios
Acr Caxias: Rua José de Alvarenga, 200 - Caxias

Lojas South
West Shopping – Campo Grande
São Gonçalo Shopping
Plaza Shopping – Niterói
Shopping Ilha Plaza – Ilha do Governador
Shopping Grande Rio – São João de Meriti
Top Shopping – Nova Iguaçu
Norte Shopping – Cachambi
Madureira Shopping
Shopping Nova América – Del Castilho
Carioca Shopping – Vicente de Carvalho
Center Shopping – Jacarepaguá
Passeio Shopping – Campo Grande
Santa Cruz – Rua Felipe Cardoso
Shopping Iguatemi – Vila Isabel
Bangu Shopping
Botafogo Praia Shopping
Caxias Shopping
Via Parque Shopping – Barra

Será que desta vez o "Homer vai sair do do sofá?"


SAN!!!!!!

domingo, 20 de setembro de 2009

Santos X Botafogo(Resultado final).

Jogo confuso, resultado previsível.

Do pouco que pude ver, vou fazer um resumo.

- Não perdemos o jogo porque finalmente temos um Goleiro.

- Não ganhamos porque continuamos sem ter um Matador.

Obs1: Favor avisar ao Gabriel que para ser herói não precisa fazer gol em todos os jogos, se ele passa aquela bola do início do jogo para o A.Lima, também estaria sendo aclamado.

Obs2: Sem a vitória ficaremos mais uma semana na Zona lamacenta, o que nos obriga a vencer em casa. Porém teremos o jogo com o Emelec na quarta. Que este sirva como um exemplo do bem. Assim espero.

Obs3: Mais um penalti claríssimo não marcado. Não significaria vitória, mas a pergunta que não quer calar é: - Até quando?

.(final)

FICHA TÉCNICA:

SANTOS 0 X 0 BOTAFOGO

Estádio: Vila Belmiro, Santos (SP)
Data/hora: 20/09/2009 - 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Leonardo Gaciba da Silva (RS)
Auxiliares: Roberto Braatz (PR) Altemir Hausmann (RS)
Renda/Público: R$ 143.690/6336 pagantes
Cartões amarelos: Germano (SAN), André Lima, Juninho, Gabriel, Thiaguinho (BOT)
Cartões vermelhos: não houve

GOLS: não houve

SANTOS: Felipe, Pará, Eli Sabiá, Fabão e Léo; Emerson, Rodrigo Souto (André 28'/2ºT), Germano (Mádson, Intervalo) e Róbson (Alan Patrick, 20'/2ºT); Neymar e Kléber Pereira. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

BOTAFOGO: Jefferson, Emerson, Juninho e Wellington; Thiaguinho, Leandro Guerreiro, Jônatas (Renato 32'/2ºT), Lucio Flavio (Marquinho 45'/2ºT) e Gabriel; André Lima e Reinaldo (Ricardinho, 15'/2ºT). Técnico: Estevam Soares.


SAN!!!!!!!

sábado, 19 de setembro de 2009

Santos X Botafogo 20/09/2009

Vitória significa fuga do Z4!

Ficha Técnica

Santos: Felipe, Pará, Fabão, Eli Sabiá, Léo, Emerson, Rodrigo Souto, Germano, Robson, Neymar e Kléber Pereira. Técnico: Vanderley Luxemburgo.

Botafogo: Jefferson, Emerson, Juninho, Wellington, Alessandro(Thiaguinho), Leandro Guerreiro, Jônatas, Lúcio Flávio, Gabriel, Reinaldo e André Lima. Técnico: Estevam Soares.

Arbitragem

Leonardo Gaciba da Silva
Roberto Braatz (RJ)
Altemir Hausmann (RS)

Vila Belmiro -20/09/2009 - 18h30min

Comentários após o embate.

SAN!!!!!!

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Sul Americana. Oitavas de final definida.

Vamos que vamos Botafogo!

Aí estão os cruzamentos, é muito importante não estarmos no rebaixamento(e não estaremos)ao final do ano, no entanto, se existe uma possibilidade de conquistarmos um título ainda, este título é o da Sul Americana.

Só deixarei de acreditar, quando estivermos fora.

SAN!!!!!!!

Nilton Santos. Estátua do ídolo será finalmente inaugurada.

Acima a imagem da Estátua semi-pronta.

Dia 27 de Setembro(domingo) as 16:30 Hs.(antes do embate contra o Vitória as 18:30Hs) será inaugurada a estátua de nosso ídolo Nilton Santos. A inauguração será na entrada Oeste do Grande Engenho, onde a mesma permanecerá, e abençoará os jogos do Glorioso.

De acordo com o coordenador do projeto Marcos Muller, descrevo abaixo alguns detalhes:

- A cerimonia vai ser aberta a torcida e terá o depoimento de cinco pessoas que conviveram e são amigos do Nilton (dois ex-jogadores, um jornalistas esportivo e uma filha de um fundador do clube), além da esposa dele e de um representante do Botafogo. O Nilton não deverá comparecer por motivo de saúde.

- Um famoso ator Botafoguense está sendo contactado para ser o Mestre de Cerimonias.

- Vão convidar uma criança da família Trindade, responsável pela aquisição de três cotas, para tirar a bandeira do clube que estará cobrindo a estátua.

- Já que os colaboradores resolveram não ser importante a divulgação de seus nomes, não será admitido que alguém se aproprie da ocasião em benefício próprio. Essa homenagem é um presente da torcida do Botafogo ao seu grande ídolo.

OBS: A não divulgação dos nomes dos Torcedores que adquiriram as cotas, se dá pelo motivo da Estátua ser considerada um presente de TODA Torcida Botafoguense, ao Clube e paralelamente ao Ídolo.

Belíssima homenagem, e mais importante ainda é ter sido feita em vida. Parabéns, mais uma vez a nossa Torcida que é inigualável, e ao nosso eterno Ídolo.

SAN!!!!!!

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Botafogo X Atlético PR(A Classificação).

E a vitória veio. Não podia ser em melhor hora!

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Foi sofrido como não poderia deixar de ser, o time confuso, nervoso, afobado, e para piorar o adversário tranquilo e consciente do que precisava fazer. Eu não gostava nada do que estava vendo, até que o que estava ruim piorou, Wesley em uma grande jogada deixou o regular(sempre ruim) Alessandro falando sozinho e soltou a bomba, com uma ajudinha do Castillo ela morreu no fundo das redes. Desespero, vaias da torcida, e na cabeça a imagem da "vaquinha indo para o brejo de novo". Mas o jogo ainda não havia acabado, dois penaltis não marcados a nosso favor(confirmei no VT em casa)André Lima e Reinaldo, raiva da arbitragem também, estava complicado, no final do 1º tempo, um penalti finalmente marcado(menos penalti que os outros, mas penalti sim), Lúcio Flávio com frieza bate e marca o gol do empate, não sem antes beliscar a trave, pra gente sempre vai ser assim, tem que rolar um susto.
Veio o segundo tempo, o time melhorou(ou o adversário administrou, 1x1 era deles), o controle do jogo era nosso. Por volta dos 14 minutos, bola na área, mais uma vez Lúcio Flávio na jogada da um toque na direção de André Lima que deixa para Gabriel concluir meio que de calcanhar, mas não interessa, é rede, e o Fogão classificado. Alívio, torcida apoiando, parecia uma festa. Nesta altura o jogo parecia totalmente controlado, se não me engano o Castillo, fez uma defesa em chute do enjoado Wesley(Aí Diretoria) e nada mais, muito toque e nada de oportunidades. Lá pelos 35, em mais uma daquelas jogadas rondando a área, o enjoado Wesley lança na direita para o Nei, bola para ser cruzada, mas ele bate no canto em que o nosso arqueiro(?!) está, é só esbarrar na pelota, mas..... Ah! Castillo..... fecha as pernas FDP!!!!!!! foi o meu desabafo...
Faltando 10 minutos, já era, a crise continua, alguns irão pedir a cabeça do técnico, e definitivamente vamos para o "ralo".
Mas quem estava em campo era o Botafogo, e dois minutos depois, Lúcio Flávio(novamente ele) cruza na área, o esforçado André Lima(Botafoguense de coração e ontem muito lutador), desvia e encontra o Wellington só, na cara do Galatto, para dar uma joelhada na bola e nos garantir na próxima fase da Sul Americana. Que venha o Emelec.
Na nossa última vitória 45 dias antes, eu comentei por aqui: -"Se querem me matar, atirem logo na cabeça!" Repito isso e digo mais, desse jeito não chego aos 50. Esse é o meu Botafogo.

Bom, jogo finalizado, classificação resolvida, vamos a alguns detalhes:

- Castillo e Alessandro: Um tempinho no divã da Ruas pode ajudar se não adiantar "Ruas" nos dois.

- Gabriel: Merece mais espaço, é o único lateral de origem, apesar de achar que deverá cair em pouco tempo no meio de campo.

- Jônatas: Até carrinho deu, coisa que nunca vi, está rolando uma boa química com o Estevam, pelo menos parece. E joga fácil.

- Arbitragem: Com vitória e tudo, tivemos 3 penaltis não marcados(André lima, Reinaldo e Jônatas).Não fez, mas poderia ter feito falta, será que não dá para os árbitros prestarem mais atenção?

- Para encerrar: O craque do jogo foi o Victor Simões, afinal não é qualquer um que em uma situação de jogo, mira a trave e acerta. Parabéns VS!!!!

Fora do jogo:

Alguém me socorra! Quem é esse Marquinhos que foi inscrito junto com o "possante"? Jogou no Vasco e no Fluminense, e eu não tenho a menor idéia. Alguém me ajuda?

SAN!!!!!!!

FICHA TÉCNICA
Botafogo 3x2 Atlético Paranaense
» Gols: Lúcio Flávio 45’, Gabriel 59’ e Wellington 83’ (BFR); Wesley 32’ e Nei 81’(Atl.PR)
» Competição: Copa Sul-Americana
» Data: 16/09/2009
» Local: Estádio Olímpico João Havelange, o ‘Engenhão
» Arbitragem: Wilson Luiz Seneme (SP); Ednílson Corona (SP) e Carlos Berkenbrock (SC)
» Cartões amarelos: Leandro Guerreiro (Botafogo); Patrick, Valencia e Bruno Costa (Atlético Paranaense)
» Botafogo: Castillo; Emerson, Juninho, Wellington; Alessandro (Thiaguinho), Leandro Guerreiro, Jônatas, Lúcio Flávio e Gabriel (Eduardo); Reinaldo (Victor Simões) e André Lima. Técnico: Estevam Soares.
» Atlético Paranaense: Galatto; Manoel, Fransérgio e Bruno Costa; Raul (Nei), Rafael Miranda (Jhonatan), Valência, Marcinho e Wesley; Wallyson e Alex Mineiro (Patrick). Técnico Antônio Soares.

Botafogo X Atlético PR(Jogo de volta)O negativo do jogo.



Apesar de você amanhã há de ser um novo dia.......


Por agora é só!

Logo mais comento o jogo.

SAN!!!!!!

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Botafogo X Atlético PR(Jogo de volta)

Chegou a hora de vencer! Empate não serve.

Meus Amigos e Irmãos de Escudo,

Logo mais a noite teremos o jogo de volta da primeira fase da Sul Americana, tendo que vencer, pois o empate sem gols na casa do adversário nos tira a possibilidade do empate, a não ser que se faça opção por decidir nos penaltis(0x0), e isso aposto que nenhum botafoguense quer.

Com o time titular vamos para a batalha, a exceção será o goleiro Jefferson, que não foi inscrito nesta competição e será substituído pelo Castillo. Além desta mudança o Wellington deve ser escalado no lugar do improvisado Fahel e Thiaguinho pode aparecer substituindo Alessandro.

Sei que está difícil mantermos ânimo para apoiar, mas é nossa obrigação, nessa hora é que os abnegados aparecem. De tanto pedirmos, hoje haverá promoção no Grande Engenho, a inteira por R$10,00 e a meia por R$5,00 obviamente. Alguns detalhes nos fazem pensar em não comparecer: Transmissão direta pela TV, o adiantado do horário, amanhã é dia de trabalho, a péssima fase do time e etc... Mas temos que pensar unicamente no seguinte, uma vitória pode ser o que está faltando para ganharmos confiança e darmos a necessária arrancada no Brasileirão.

Por isso, "Vamos tirar o Homer do sofá", e na medida do possível empurrar nosso Glorioso esta noite. Vejo voces lá no Grande Engenho.

OBS1: Uma desculpa não temos mais, a pé ninguém vai, afinal agora temos um "FusKa" para nos levar.

OBS2: Espero que o caso do Michael(que na minha opinião infelizmente ainda não acabou)tenha servido como exemplo para os outros jogadores. Quem quiser ajudar fique, em caso contrário, "Meta o pé" como dizem os mais novos.

FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO X ATLÉTICO-PR

Estádio: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 16/09/09 - 21h50
Árbitro - Wilson Luiz Seneme (BRA)
Auxiliares - Ednilson Corona (BRA) e Carlos Berkenbrock (BRA)


BOTAFOGO: Castillo, Emerson, Juninho e Wellington; Thiaguinho (Alessandro), Leandro Guerreiro, Jônatas, Lucio Flavio e Eduardo; Reinaldo e André Lima. Técnico: Estevam Soares.

ATLÉTICO-PR: Galatto, Manoel, Nei e Chico; Wesley, Rafael Miranda, Valencia, Paulo Baier e Márcio Azevedo; Wallyson e Alex Mineiro. Técnico: Antônio Lopes.

SAN!!!!!!!!

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Rodrigo Fuska!

O que voces acham?

do....

Fuska no Fogão?

É rir para não chorar. E o pior é que é sério.

SAN!!!!!!